Alisson Santos revela conselhos de Geninho e espera aproveitar oportunidades

Após gol no jogo-treino diante do Five FC, no último sábado (2), atacante rubro-negro pode conquistar vaga na equipe que enfrenta o Remo

Foto: Divulgação/Vitória

O Vitória chega para a Série C do Campeonato Brasileiro 2022 com uma metodologia diferente da adquirida no ano passado, quando disputou a Segunda Divisão. Com mais jogadores experientes, além das jovens promessas da base rubro-negra, o Leão da Barra aposta no atacante Alisson Santos, que participou de sete jogos neste ano. Ao todo, ele já acumula 20 partidas na equipe profissional e já contabiliza participações essenciais, como o pênalti sofrido diante do Glória-RS. Na ocasião, o Rubro-Negro Baiano venceu o time gaúcho por 2 a 0, na segunda fase da Copa do Brasil.

 

Questionado sobre a expectativa de iniciar como titular nas próximas partidas, o atacante afirmou estar pronto. “Estou muito preparado, venho trabalhando para isso, para quando a oportunidade aparecer, poder aproveitar da melhor maneira possível”, comenta o jogador, de 19 anos. “Eu busco estar sempre aproveitando as oportunidades. Acredito que quem começar jogando, desde que eu comece jogando ou tendo oportunidade de titular, vai estar sempre buscando dar o melhor”, acrescenta.

Em entrevista coletiva cedida na manhã desta terça-feira (5), Alisson Santos garantiu que o elenco tem assimilado de forma satisfatória as orientações do técnico Geninho, contratado para comandar o time na campanha da Terceirona.

“A gente vem preparando bem durante a semana, desde quando o professor Geninho chegou no clube. A gente vem entendendo bem o que ele passa dentro de campo nos treinamentos”, comentou.

Com 12 gols marcados desde que começou na equipe sub-17 do Vitória, Alisson Santos chamou atenção pela velocidade nas beiradas das quatro linhas. Por outro lado, aspectos como finalização tem deixado a desejar. É o que garante o jovem atleta.

“O que tenho de melhor, no meu ponto te vista, é o confronto um contra um, na velocidade, pelo lado esquerdo na beirada. O que eu preciso melhorar acredito que é a finalização e a tomada de decisão ali no último terço.”

Com apenas um jogo no comando do Vitória desde que retornou para a terceira passagem no clube, Geninho ainda vive o período de conhecimento de todos os jogadores disponíveis.

“Desde quando o professor Geninho chegou no clube, ele conversou comigo. Pediu para eu ter um pouco mais de calma no último terço, na tomada de decisão. Ricardo Silva (auxiliar técnico) também tem me ajudado nos treinamentos de finalização”, enfatizou Alisson.

Alisson Santos marcou um gol no jogo-treino diante do Five FC, quando o Leão venceu por 2 a 1, no último sábado (2).

Autor(a)

Pedro Moraes

Jornalista, formado pela Universidade Salvador (Unifacs). Possui passagens em vários ramos da comunicação, com destaques para impresso, sites e agências de Salvador e São Paulo. Contato: pedrohmoraessjorn@gmail.com

Deixe seu comentário