Ex-Bahia garante empate para o Athletico no fim, mas acaba expulso após apito final

o técnico Jaime Freitas apontou que a torcida do Tubarão insultou o atacante

Distante da liderança por quatro pontos, o Athletico Paranaense empatou com o líder Londrina, por 1 a 1, na última quinta-feira (03). O gol do Furacão saiu dos pés do atacante Daniel Cruz, ex-Bahia. Apesar do golaço de falta no apagar das luzes, aos 49 minutos, o jogador acabou expulso após o apito final, quando atletas das duas equipes trocaram empurrões. Daniel rebateu insultos da torcida do Londrina e recebe o cartão vermelho

 

Em entrevista coletiva cedida após a partida, o técnico Jaime Freitas apontou que a torcida do Tubarão insultou o atacante, que revidou após comemorar. Por outro lado, Daniel alega “que comemorou firme, não fez nada e não entendeu”.

“É um jogador jovem, vai aprender com isso. Faz parte do processo. Está dentro do contexto e tirar lições do ocorrido. É uma perda importante para a equipe”, explicou o comandante do Athletico.

Acionado somente aos 18 minutos da etapa complementar, o jovem atacante iniciou a partida no banco de reservas. Dentro de campo, portanto, viu o Londrina abrir o marcador aos 42′. O primeiro tento com a camisa do Furacão saiu de uma cobrança no ângulo de forma surpreendente.

“Meu forte é o chute, venho treinando. Fico feliz em poder agregar. O importante que não perdemos, nosso elenco é forte”, destacou.

Daniel Cruz foi contratado em setembro do ano passado pelo Athletico-PR. Em 2021 ainda, ele atuou pelo time sub-20 do Esquadrão de Aço e fez uma partida pelo time principal. Contudo, apesar de se destacar, não conseguiu efetivar uma renovação satisfatória no Tricolor.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Após Ba-Vi, Vitória terá apenas mais dois jogos no mês de fevereiro

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*