Pré-candidato, Ederlane Amorim critica sistema de eleição da FBF

“Esse sistema de eleição da Federação, é um sistema totalmente blindado", disse.

Foto: BLOG DO ANDERSON

Ainda não foi definida a data para a eleição da Federação Bahiana de Futebol (FBF). Ricardo Lima vai tentar a reeleição e terá como concorrente Ederlane Amorim, atual presidente do Vitória da Conquista. O mandatário do ECPP já confirmou que vai concorrer ao pleito e deste então vem fazendo críticas a atual gestão. Em entrevista ao site Resenha na Rede, Ederlane criticou o sistema “totalmente blindado” de eleição da FBF.

 

“Esse sistema de eleição da Federação, é um sistema totalmente blindado. Mas vamos equacionar a informação, de 17 de janeiro a dezembro de 2022. Não temos o dia exato, pelo menos nunca tivemos, o estatuto blinda isso, ele (Ricardo Lima, atual presidente) pode divulgar o edital de convocação a partir de qualquer e você terá no máximo de três a cinco dias para registrar a chapa, fazer campanha, conseguir pelo menos concorrer ao processo eleitoral”, disse Ederlane.

 

Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Deixe seu comentário