Bahia e Jacuipense conhecem data e horário dos seus jogos pela 2ª fase da Copinha

Bahia enfrentará o Vila Nova-GO na próxima quarta-feira (12) às 15h

Na manhã desta terça-feira (11), a Federação Paulista de Futebol confirmou as datas e os horários da maioria dos confrontos da segunda fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Entre os cinco clubes baianos que participam da competição em 2022, Vitória e Camaçariense foram eliminados na fase de grupos. Bahia, Jacuipense e Canaã avançaram, sendo que os dois primeiros já conheceram os seus adversários na 2ª fase.

 

Classificado como 2º colocado no Grupo 1, o Bahia enfrentará o Vila Nova-GO na próxima quarta-feira (12) às 15h, no Estádio Alberto Victolo, em Tanabi. Também classificada na segunda posição do seu grupo, o Jacuipense pega a Ponte Preta também no dia 12, porém às 20h, no Franca. O Canaã, por sua vez, avançou em primeiro lugar no seu grupo e ainda aguarda a definição do Grupo 32 onde jogará contra o segundo colocado, ainda sem data e horário definido.

A Copa São Paulo de Futebol Júnior, também conhecida como Copinha, é a principal competição de base do futebol brasileiro. É organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF) e inclui clubes de todo o Brasil e, eventualmente, clubes de outros países. Ao todo, são 128 clubes divididos em 32 grupos, classificando-se para a segunda fase os dois clubes com o maior número de pontos ganhos em cada grupo. A final é realizada no dia 25 de janeiro, dia do aniversário da cidade de São Paulo.

O maior campeão da Copinha é o Corinthians, com 10 títulos, seguido por Fluminense (5), Internacional (5), São Paulo (4), Flamengo (4), Santos (3), Atlético-MG (3), Ponte Preta (2), Nacional-SP (2), Portuguesa (2), e outros clubes com uma conquista.

Deixe seu comentário!

1 Comentário

  1. Logo vai aparecer um clube grande do Sul e Sudeste para levar jogadores do time do CANAÂ, a grande surpresa da Copinha.
    Cadê os dirigentes do Bahia? Deve estar dormindo em Banho Maria.
    Apesar de que esta Diretoria, nunca foi de interesse manter a base, tanto assim que acabou, aliás acabou também com o time profissional.
    Os destruidores dos 7 mares continuam destruindo o clube. Só não ver, quem não quer enxergar.

3 Trackbacks / Pingbacks

  1. Ex-jogador do Vitória, Richarlyson é o novo comentarista da Globo
  2. Jobson recebe proposta do futebol paraguaio e deixa o Sete de Setembro
  3. Reforços do Vitória elogiam método de trabalho de Dado Cavalcanti

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*