Atlético-MG pode ser campeão brasileiro antes de enfrentar o Bahia

Bahia vai encarar o líder Atlético-MG, na Arena Fonte Nova, no dia 2 de dezembro

Foto: Marcos Ribolli

Diante da situação que se encontra o Esporte Clube Bahia, qualquer “detalhe” pode fazer toda a diferença para evitar o rebaixamento à Série B do Campeonato Brasileiro, de onde saiu em 2017, justamente sob o comando do técnico Guto Ferreira. Na sequência da competição, o Esquadrão tem dois confrontos diretos. Depois de perder para o Sport e empatar com o Cuiabá, enfrenta Grêmio (casa) e Atlético-GO (fora), jogos que podem ser decisivos para definir a permanência caso obtenha resultados positivos.

 

Após esses dois jogos, o Bahia vai encarar o líder Atlético-MG, na Arena Fonte Nova, no dia 2 de dezembro, jogo atrasado da 32ª rodada. Existe a possibilidade do Esquadrão pegar o Galo já campeão brasileiro e apenas em festa, o que na teoria pode ser benéfico para o time baiano.

O Atlético-MG empatou com os reservas do Palmeiras por 2 a 2 na última terça-feira, resultado que adiou a possibilidade dele conquistar o título apenas vencendo o Fluminense neste domingo, no Mineirão. No entanto, a taça do Brasileirão pode chegar às mãos do Galo dias depois, até mesmo sem o time alvinegro estar em campo.

O Atlético-MG lidera o Brasileirão com 75 pontos, enquanto o Flamengo, que também empatou nesta terça-feira (2 a 2 com o Grêmio) é o segundo, com 67, e entra em campo na terça-feira para enfrentar o Ceará, três dias depois da final da Copa Libertadores. O Galo vencendo chegaria aos 78 e pode ser campeão na terça se o Flamengo não vencer o Vozão. Se empatar, o time carioca chegaria a 68, diferença de 10 pontos, com apenas nove ainda em disputa.

 

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*