Bruno Lopes destaca desenvolvimento dos jogadores como foco no Bahia

No clube há quatro meses, o técnico Bruno Lopes geriu o time de aspirantes do Esquadrão de Aço

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O ‘estrangeirismo’ no futebol brasileiro cresceu desde o sucesso do técnico português Jorge Jesus no Flamengo, nas temporadas 2019 e 2020. Acima de tudo, diversos clubes brasileiros contrataram outros treinadores de fora do Brasil para comandarem as equipes principais. Assim como fez recentemente com o time principal, o Bahia aplicou a estratégia também na equipe de aspirantes.

 

No clube há quatro meses, o técnico Bruno Lopes geriu o time de aspirantes do Esquadrão de Aço na atual temporada. Sendo assim, aos 37 anos, ele participou da montagem do plantel sub-23, o qual competiu o Brasileirão de Aspirantes. O português que, treinou também o time principal em alguns jogos, revelou o passo atual dentro do clube, em entrevista ao Segue o BAba.

“Nosso foco no momento é desenvolver os jogadores individualmente. Como não temos jogo, não temos elenco definido, então vamos pegar esses jogadores e desenvolveram naquilo que são suas características individuais”, destacou.

Com mais de 100 dias presente no dia a dia do Tricolor, Bruno Lopes levou o time até a 2ª fase na competição nacional. Sem competição no momento, a equipe está em preparação para a próxima edição do Campeonato Baiano. Satisfeito com a posição no Bahia, o técnico apontou sonhar em treinar um time “fora do Brasil”.

“Neste momento, estou muito contente com minha posição. Fui contratado para ser treinador do sub-23 do Bahia e estou extremamente satisfeito com meu trabalho e com o que me é pedido. Obviamente que, sendo jovem, quero chegar o mais alto possível, seja uma Série A no Brasil ou uma primeira liga de fora do Brasil. Nosso objetivo tem sempre que ser andar para frente e tentar chegar mais alto, baseado no nosso trabalho, sem passar por cima de ninguém”, completou.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Bahia negocia rescisão de Lucas Fonseca e demite coordenador médico

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*