Após acordo milionário com o São Paulo, Daniel Alves recebe nova proposta

o Athletico-PR fez uma proposta e aguarda uma definição

Foto: MAURO HORITA/ESTADÃO CONTEÚDO

Daniel Alves chegou ao São Paulo como astro e recebendo um dos maiores salários do futebol brasileiro, no entanto, o retorno dentro de campo e também na visibilidade do clube não foi o suficiente para o clube pagar os salários e permanecer com o jogador, que, aliás, vai deixar um rombo nas finanças, em uma demonstração de total incompetência da direção do clube. De acordo informações da imprensa paulista, o São Paulo vai pagar em parcelas nos próximos cinco anos R$ 400 mil/mês totalizando R$ um montante 24 milhões. O débito com o lateral-direito começa a ser quitado a partir de janeiro do ano que vem.

 

No entanto, o jogador que tem mercado e já encontrou outro interessando nos seus serviços, Trata-se de do Athletico-PR, que fez uma proposta e aguarda uma definição. De acordo o jornalista argentino César Luis Merlo, a proposta feita ao jogado foi “muito boa”, mas o Furacão tem a concorrência do Flamengo, que seria a prioridade do atleta, porém, até o momento não houve proposta. Mario Celso Petraglia diz estar “trabalhando”, mas diretor Paulo Autuori avalia ser “muito difícil”. Fluminense e Coritiba também teriam feito uma sondagem.

Daniel Alves rescindiu oficialmente com o São Paulo na última quinta-feira (16), 15 meses antes do previsto. Mas o jogador de 38 anos já estava afastado do clube desde o dia 10 de setembro por conta das dividas. O salário do astro era de R$ 1,5 milhão por mês.

Revelado pelo Bahia, Dani Alves foi cedo para a Europa, defender o Sevilla. Depois de seis temporadas de sucesso, foi contratado pelo Barcelona, onde viveu a melhor fase da carreira, atuando ao lado de Messi, Iniesta, Xavi e cia. Pelo Barça, foram oito temporadas. Depois, ele ainda jogou um ano na Juventus e dois pelo PSG.

Pela seleção, Daniel Alves disputou as Copas de 2010 e 2014. Em 2018, foi cortado por lesão. O objetivo do veterano é disputar o mundial do Catar, em 2022.

Deixe seu comentário!

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*