Preparador físico do Bahia avalia parte física do atacante Hugo Rodallega

o atacante Hugo Rodallega chega para reforçar o elenco Tricolor.

Nesta terça-feira, na reapresentação do elenco do Esporte Clube Bahia no CT Evaristo de Macedo, o preparador físico Luiz Andrade concedeu entrevista e falou sobre os treinos da semana e o que espera do grupo para os próximos jogos contra o Atlético-MG, primeiro no domingo às 11h, no Mineirão, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A e três dias depois pela partida de ida as oitavas de final da Copa do Brasil.

 

“A gente busca, principalmente, nessas semanas cheias trabalhar com aqueles que vêm participando mais dos jogos capacidades físicas que a gente não consegue. No caso, a capacidade de força e resistência para o grupo que não vem jogando tanto e frequente mais o banco de reservas. Temos que dividir o trabalho de uma forma que consigamos atingir o objetivo desses dois grupos que de certa forma são distintos”, disse.

Anunciado na semana passada, o atacante Hugo Rodallega chega para reforçar o elenco Tricolor. Luiz avaliou a parte física do atleta e espera que tê-lo à disposição assim que ele for inscrito.

“Na realidade, quando atleta chega aqui, nós realizamos todas as avaliações, para entender em que momento esse atleta está. E o Rodallega chegou depois de um mês praticamente parado treinando por si só em academia, fazendo corridas leves. Então, ele necessariamente já iria ter pelo menos uns 15 dias de recondicionamento. Tivemos primeira boa semana boa com ele, com trabalho de força e aeróbicos. A partir dessa semana, vamos introduzir trabalhos com bola com ele. Trabalhos com bola e físicos estão aliados. Então, é uma evolução para ele nessa semana começar a trabalhar com bola. Esperamos que, depois dessa semana, desses dez dias, quando estiver apto para entrar em campo nas questões burocráticas, ele vai ter condição de participar dos jogos já”, comentou.

 

Comentários:

2 Comentário

  1. Na realidade é puro bla bla bla pq esse dado mesmo as coletivas dele pode copiar e colar que sempre é a mesma desculpa depois me vem torcedores jornalistas defender essa corja de esfregadores de camisetas brasileiros que estão sendo engolidos pelos os estrangeiros.
    Se não se pronúncia logo agora em fazer mudanças de forma geral no primeiro turno vai fazer companhia ao ex rival

  2. Gostaria de saber do preparador físico do Bahia porque o Bahia nunca treina em dois períodos?, É determinação do treinador, vejo o Fortaleza jogando parece que está com um jogador a mais, engolindo os adversários, um detalhe importante que também os preparadores físicos do Brasil precisam saber, não só existe uma enxurrada de treinadores estrangeiros, Vojvoda solicitou a Diretória do Fortaleza e imediatamente trouxe Adrián Vaccarini, ex preparador físico da seleção peruana, o preparador físico do São Paulo é Alejandro Kohan, então não só treinadores que tem um preguiça da zorra estão perdendo espaço, todo entrevista de treinadores Brasileiros é sobre poupar, desgaste físico, não forçar a musculatura, por isso, que alguns jogadores Brasileiros tem dificuldade em adaptar-se ao futebol Europeu.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*