Bahia encara o Independiente em confronto direto e decisivo pela Sul-Americana

Bahia pode encaminhar classificação no Grupo B da Copa Sul-Americana

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Nesta terça-feira, o Esporte Clube Bahia terá um duelo de extrema importância para suas pretensões na Copa Sul-Americana. O Esquadrão visita o Independiente, às 19h15, no Estádio Libertadores de América, em Buenos Aires, em confronto direto pela classificação às oitavas de final do torneio. Com 8 pontos, o Tricolor lidera o Grupo B, empatado com o time argentino, mas levando a melhor no saldo de gols. Em caso de triunfo, o time de Dado Cavalcanti abre 3 pontos e dá um passo gigante para garantir a única vaga da chave. Se empatar, chegará na última rodada como líder e com boas chances, mas dependendo do saldo de gols para se classificar. Porém, se perder, deixará a liderança e precisará de uma combinação de resultados complicada na última rodada, quando enfrenta o Montevideo City em Salvador, e o Independiente o Guabirá.

 

Para a partida, o técnico Dado Cavalcanti conta com o retorno do zagueiro Luiz Otávio, que se recuperou da lesão muscular e viajou junto com a delegação para a Argentina. Porém, a volta do defensor ao time titular é incerta, já que Juninho atuou ao lado de Germán Conti nas partidas contra Ceará e Guabirá, e vem com ritmo de jogo, além disso, parece ter recuperado a confiança. Uma mudança certa na equipe é a entrada de Thaciano no lugar do paraguaio Óscar Ruiz, que até o momento ainda não conseguiu deslanchar e se firmar na equipe titular. Com o retorno de Thaciano ao time, Rodriguinho volta a atuar mais próximo dos atacantes.

Quem apita o duelo entre Independiente e Bahia é o árbitro colombiano Andres Rojas, que apitou o primeiro jogo da final da Recopa Sul-americana, entre Defensa y Justicia e Palmeiras, na Argentina. Ele foi o árbitro de três rodadas da Copa Sul-Americana e em dois jogos da Libertadores, apitando recentemente o jogo entre Unión La Calera e Flamengo. Andres Rojas terá como assistentes Miguel Roldán e Alexander Guzman.

A Copa Sul-Americana de 2021 comporta oito grupos com quatro equipes em cada. Somente o primeiro colocado de cada grupo avança ao mata-mata. Eles enfrentam os terceiros colocados das chaves da Libertadores nas oitavas de final. A decisão da Sul-Americana será realizada em jogo único no dia 6 de novembro. Esta é a primeira vez que a Sul-Americana conta com fases de grupos desde a sua criação, em 2003. Até então, o campeonato era disputado em formato eliminatório em todas as fases. O último campeão do torneio foi o Defensa Y Justicia, da Argentina. Entre os brasileiros, Internacional (2008), São Paulo (2012), Chapecoense (2016) e Athletico-PR (2018) já faturaram a competição.

Confira as premiações da Copa Sul-Americana de 2021 (futebolbahiano.org)

Comentários:

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*