Thiago se torna a 5ª maior venda da história do Bahia; veja Top-10

A negociação girou em torno de R$ 10 milhões e colocou o atacante entre as cinco maiores

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia anunciou no último sábado a venda do atacante Thiago Andrade ao New York City, dos Estados Unidos. O presidente Guilherme Bellintani informou que a revelação dos detalhes é proibida por regras da MLS (Major League Soccer, a liga de futebol local), mas o Esquadrão negociou 100% dos direitos econômicos que possuía do atleta de 20 anos por um valor um pouco superior ao da venda de Júnior Brumado para clube da Dinamarca. Além disso, terá direito a 20% do lucro de futura venda de Thiago. O negócio foi fechado por R$ 10 milhões, segundo informação divulgada pela imprensa.

 

Foi a segunda venda do Bahia no ano. A primeira foi de Gregore para o Inter Miami. O valor recebido pelo volante também não foi revelado, mas o clube informou que foi a maior venda do futebol nordestino. A imprensa divulgou que foram R$ 15,7 milhões, superando a negociação do meia Zé Rafael para o Palmeiras (R$ 14,5 milhões). Já o atacante Thiago se tornou a 5ª maior venda da história do Bahia no plano real, ficando atrás apenas de Gregore, Zé Rafael, Bruno Paulista e Jean.

Veja abaixo o levantamento feito pelo jornalista Cássio Zirpoli, em seu Blog.

As 10 maiores vendas do Bahia em reais:

1- Gregore (Inter Miami, 2021) – R$ 15,7 milhões

2- Zé Rafael (Palmeiras, 2018) – R$ 14,5 milhões

3- Bruno Paulista (Sporting, 2015) – R$ 12,6 milhões

4- Jean (São Paulo, 2017) – R$ 12 milhões

5- Thiago Andrade (New York City, 2021) – R$ 10 milhões

6- Júnior Brumado (Midtjylland, 2019) – R$ 9,5 milhões

7- Flávio (Trabzsonspor, 2020) – R$ 8 milhões

8- Rodrigo Becão (Udinese, 2019) – R$ 7 milhões

9- Anderson Talisca (Benfica, 2014) – R$ 6 milhões

10- Juninho Capixaba (Corinthians, 2017) – R$ 6 milhões

Sem considerar câmbio das épocas, as melhores vendas do Bahia em dólares:

1- Robsón Luis (1998) – US$ 3,9 milhões

2- Zé Rafael (2018) – US$ 3,8 milhões

3- Jean (2017) – US$ 3,7 milhões

4- Bruno Paulista (2018) – US$ 3,2 milhões

5- Gregore (2021) – US$ 2,9 milhões

 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*