Chagas lamenta o 4º empate seguido do Vitória: ‘Sentimento de derrota’

"Mais uma vez, não tenha dúvida que o sentimento é de tristeza", disse.

O Esporte Clube Vitória amargou mais um empate, agora ficando no 0 a 0 diante do Confiança, em duelo da 6ª rodada da Copa do Nordeste. Foi o terceiro empate seguido do Leão no torneio – antes havia empatado com Sampaio Corrêa e CRB, o quarto seguido na temporada contando o 0 a 0 do Ba-Vi do Baianão. Com o resultado, o Rubro-Negro chegou aos 9 pontos no Nordestão e assumiu o 3º lugar do Grupo B, porém, pode deixar o G-4 até o complemento da rodada, já que Altos e Salgueiro, 5º e 6º com 7 pontos, ainda jogam, além do ABC que é o 4º com 8 e tem dois jogos a menos. O técnico Rodrigo Chagas, em entrevista pós-jogo, afirmou que o sentimento é de derrota com a sequência de empates, e lamentou as oportunidades desperdiçadas pelo time.

 

“Mais uma vez, não tenha dúvida que o sentimento é de tristeza, de derrota. Pressionamos o adversário o tempo todo, tivemos o controle de jogo. Acho que foi o jogo que mais criamos e perdemos oportunidades. Acho que falta um capricho maior na finalização. A gente não tem tido tempo para trabalhar esse aspecto, é jogo em cima de jogo. Não tem como colocar carga no treinamento. É uma cobrança que estamos tendo diariamente com os atletas. Até porque a oportunidade aparece e temos que fazer logo o resultado. Mais uma vez o sentimento é de derrota em relação ao empate que tivemos”, disse o treinador.

Apesar do jejum de vitórias, Rodrigo Chagas acredita que o time não perdeu intensidade. “Não acho que o time deixou de ser intenso. A intensidade a gente tendo jogo a jogo. Pega um campo como esse, gramado muito fofo, com intensidade alta imprensamos o adversário no campo deles durante todo o jogo. Só sofremos no fim do jogo. Acho que conseguimos uma intensidade boa, mas com gramados distintos. A ideia da gente é sempre trabalhar com muita intensidade e com a própria quantidade de jogos que estamos tendo. É desumano cobrar que o jogador tenha a mesma intensidade durante todas as partidas”, completou.

O Vitória volta a campo pela Nordestão no dia 4 de abril, às 18h, contra o Treze, no Estádio Manoel Barradas. Antes disso, tem compromisso pelo Campeonato Baiano na quarta-feira (31/03), contra o Bahia de Feira, às 19h30, na Arena Cajueiro.

Deixe seu comentário!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*