Após 7 tropeços seguidos, São Paulo demite o técnico Fernando Diniz

São Paulo realizou uma reunião esta manhã com o treinador

Foto: Marcos Riboli

O técnico Fernando Diniz não vai mais comandar o São Paulo na reta final do Campeonato Brasileiro da Série A. De acordo com informação dos jornalistas Eduardo Affonso e André Plihal, do portal ESPN Brasil, a diretoria são paulina decidiu em reunião pela demissão do treinador e a utilização de um interino até o término do Brasileirão. O anúncio oficial deve acontecer em breve. A reunião aconteceu na manhã desta segunda-feira, um dia após a derrota para o Atlético-GO que aumentou o jejum da equipe para sete jogos seguidos sem vencer, seis deles na Série A. Em 2021, o São Paulo não venceu um jogo sequer ainda.

 

Ainda segundo o portal ESPN, o São Paulo também discutiu a possibilidade de demitir Diniz há uma semana, mas a decisão foi pela permanência, apostando em uma recuperação justamente diante do Atlético-GO. O São Paulo terminou 2020 na liderança com sete pontos de distância para o Internacional, e atualmente ocupa o quarto lugar, sete pontos atrás do líder Internacional e atrás também de Atlético-MG e Flamengo – são 58 pontos, contra 65 do primeiro colocado.

As principais opções para substituir Fernando Diniz interinamente são Marcos Vizolli, auxiliar fixo da comissão técnica e o favorito, e Orlando Ribeiro, do sub-20. O interino terminará o Brasileiro, enquanto o São Paulo trabalhará nos bastidores para o substituto para a próxima temporada. A preferência é por um nome de fora do país.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*