Ex-atacante da Juazeirense marcou gol do acesso do Remo à Série B

Salatiel foi o destaque do jogo marcando o gol do triunfo

No último domingo, o Remo venceu o clássico paraense diante do Paysandu por 1 a 0,  pela quinta e penúltima rodada da segunda fase da Série C do Campeonato Brasileiro, e garantiu o acesso à Série B depois de 13 anos oscilando entre a terceira e a quarta divisões do futebol brasileiro. O gol da vitória aconteceu aos 34 minutos do primeiro tempo. Marlon rolou para Gedoz, que chegou batendo forte. Paulo Ricardo espalmou para o meio da área, e o atacante Salatiel, com passagem pela Juazeirense, apareceu livre e só teve o trabalho de empurrar para as redes. Foi o quinto gol dele em 11 jogos pelo Remo.

 

Após o triunfo no clássico, o Remo ainda dependia de um tropeço do Londrina-PR contra o Ypiranga-RS no jogo que encerrou a rodada pelo Grupo D também no domingo. O empate por 1 a 1 no Estádio do Café, sacramentou o acesso do Remo. Com os resultados, o Leão assumiu a liderança do Grupo D, com dez pontos. O Papão aparece logo atrás, em segundo, com sete pontos. O Tubarão soma seis pontos e o Ypiranga é lanterna, com quatro. Apesar da derrota, o Paysandu depende apenas de si para também ir à Série B e, para isso, basta vencer o Ypiranga no Colosso da Lagoa, em Erechim.

Salatiel surgiu na base do Votoraty e passou por Olé Brasil, Itapirense, Guariba, Matonense, Rio Branco-PR, Inter de Bebedouro, CRAC, Dom Bosco, Maringá, São Carlos, At. Itapemirim e Penambi, mas foi na Juazeirense seu maior destaque. Após um 2017 regular, com 3 gols em 7 jogos, o atacante despontou em 2018, marcando 8 gols em 20 jogos, sendo artilheiro do time no Baianão e chegou até a ser especulado como alvo do Bahia. No início deste ano, acertou com a Caldense, onde não ficou muito tempo e atuou apenas 5 partidas sem balançar as redes. Depois foi contratado pelo Sampaio Corrêa onde marcou 8 gols em 23 jogos, fazendo parte da excelente campanha na Série C que resultou no acesso de volta para Série B. Em 2020, defendeu o Náutico atuando em 24 jogos e marcando 2 gols, mas trocou o Timbu pelo Remo, onde vem se destacando, com 11 jogos e 5 gols marcados.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*