Dívida que culminou com punição do Vitória é de R$ 250 mil, revela PC

"O Vitória deve ao Cianorte entre compra de jogador e honorários"

Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

Por conta de uma dívida com o Cianorte, referente a venda do goleiro João Gabriel, em 2018, o Esporte Clube Vitória foi punido pela Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e está impedido de registrar novos jogadores por seis meses. Nesta terça-feira, no programa “Papo com PC”, na TV Vitória, o presidente Paulo Carneiro revelou o valor da dívida: R$ 250 mil. Além da dívida com o Cianorte, o presidente rubro-negro revelou outras pendências que o clube tem a resolver que giram na ordem de R$ 200 mil.

 

“O Vitória deve ao Cianorte entre compra de jogador e honorários, cerca de R$ 250 mil. Sabe quem é o jogador? João Gabriel, que esteve no rebaixamento de 2018”, afirmou Paulo Carneiro.

A diretoria do Vitória precisará entrar em acordo com o Cianorte e com outros clubes que prestaram queixa na CNRD. Vale lembrar que o prazo de inscrição de jogadores para a Série B já foi encerrado, porém, o grande problema é que, se o clube não fizer o pagamento das dívidas, não poderá contratar novos reforços para a temporada 2021. O Conselho Deliberativo do Vitória aprovou recentemente a antecipação de R$ 3 milhões referentes a um bônus dos direitos televisivos. A ideia era utilizar o valor para quitar salários atrasados e encargos trabalhistas.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*