Vitória da Conquista anuncia saída do técnico Joaquín Monastério

clube informou que "o processo para conseguir o visto de trabalho vem se arrastando há meses"

Foto: Luciana Flores/ECPP Vitória da Conquista

O Vitória da Conquista pegou todos de surpresa e no final da noite desta quarta-feira (14), após o triunfo sobre o Itabaiana por 2 a 1 no Estádio Lomanto Júnior, anunciou o desligamento do treinador Joaquín Monastério, que vinha fazendo um excelente trabalho no comando da equipe conquistense na Série D do Brasileiro. Na nota divulgada nas redes sociais, o clube informou que “o processo para conseguir o visto de trabalho vem se arrastando há meses e devido a toda essa burocracia, não foi possível a continuidade do trabalho”. O Bode agradeceu ao treinador pelos serviços prestados e desejou boa sorte em sua trajetória.

 

O boliviano Joaquín Monastério, de 36 anos, foi anunciado pelo clube após o fim do Campeonato Baiano para comandar a equipe no Campeonato Brasileiro da Série D. Ex-jogador de futebol, Monastério trabalhou como técnico nas categorias de base do Oriente Petrolero com passagem também pelo Santa Cruz de La Sierra, ambas da Bolívia. Ele deixa o ECPP após seis partidas, com três vitórias, um empate e duas derrotas, na liderança do Grupo 4 da Série D, com 10 pontos. Vale lembrar que o time chegou a atuar três partidas com muitos desfalques por conta do surto de Covid-19.

LEIA TAMBÉM

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*