Mesmo com MP já sem efeito, Athletico peita a Globo e transmite jogo ao vivo

Athletico-PR transmitiu no domingo jogo contra o Grêmio

A Medida Provisória, editada pelo Governo, oferecendo ao mandante o direto de negociar as transmissões do seus jogos, não prosperou, simplesmente morreu no berço já que não foi apreciada pelos deputados, e como consequência, caducou e morreu. Ainda assim, ao arrepio da lei e utilizando-se de artifícios, o Athletico-PR transmitiu ao vivo a partida contra o Grêmio, no último domingo (25), na Arena da Baixada. O jogo foi transmitido em diversos sites e no aplicativo Furacão Live custando 25 reais ao torcedor e, além disso, o clube promete que continuará transmitido as partidas.

 

Vale lembrar que de acordo com a Lei Pelé, o jogo não poderia ser exibido já que os direitos de transmissão são divididos entre os dois times. No entanto, o clube utilizou-se de uma decisão judicial de 22 de setembro, quando a Medida Provisória 984, a MP do Mandante, ainda estava em vigência, onde caducada já não tem qualquer feito legal.

O Athletico negociou seus direitos de PPV com a Livemode, a mesma empresa que transmite os jogos da Copa do Nordeste A partir dessa situação, o clube alegará na Justiça, quando for acionada pela Globo, que negociou os direitos ainda quando a legislação dava esta prerrogativa aos mandantes. A lei temporária só caducou em 16 de outubro.

Ou seja, o Athletico pretende usar expediente similar ao que a própria Globo utilizou quando questionou as transmissões próprias do Furacão durante a validade da MP 984. A emissora contestava as transmissões do clube por ter comprado anteriormente os direitos dos outros clubes. A principal diferença é que o time paranaense baseou-se em uma MP, enquanto a emissora em uma lei pronta e sacramentada

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*