Histórico mostra que o Bahia dificilmente conquista a Copa do Nordeste

Bahia precisa vencer o jogo de volta por 3 a 0 para ser campeão

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Esporte Clube Bahia decepcionou o seu torcedor e neste sábado, acabou sendo derrotado pelo Ceará no jogo de ida da final da Copa do Nordeste, no Estádio Metropolitano de Pituaçu. O time de Roger Machado saiu na frente com Fernandão, mas erros defensivos foram cruciais para tomar a virada e perder por 3 a 1 para a equipe de Guto Ferreira. Agora, o Esquadrão precisa vencer por dois gols de diferença na próxima terça-feira para levar a decisão para os pênaltis ou vencer por três gols de diferença para conquistar o título no tempo normal. Não é inimaginável ou impossível o Bahia vencer por 2 a 0 o Ceará, longe disso, o time é capaz, porém, para isso precisa jogar bola, o que não fez neste sábado. No entanto, o histórico de finais da Copa do Nordeste mostra que dificilmente o Tricolor consegue reverter o placar e levantar a “Orelhuda”, a não ser que repita o feito do América de Natal.

 

Nas últimas 16 edições da Copa do Nordeste, em 13 delas houveram jogos de ida e volta. Dos 13 jogos, em dez teve um vencedor no jogo de ida. Em nove, o time vencedor do primeiro jogo foi campeão. O único time que perdeu o primeiro jogo e conseguiu reverter na partida de volta foi o América-RN, na época comandado pelo técnico Arthuzinho, e sagrando-se campeão em cima do Esporte Clube Vitória. Naquela edição, o Vitória venceu o jogo de ida no dia 20 de maio de 98, pelo placar 2 a 1 no Estádio Manoel Barradas, com gols de Evando e Flávio. O time potiguar marcou com Leonardo. Na volta, no Estádio Machadão, em Natal/RN, o América-RN derrotou o Leão por 3 a 1. Os gols do triunfo foram marcados por Biro Biro, Paulinho Kobayashi e Carioca (pênalti). Flávio anotou para o Rubro-Negro.

Fora o América-RN, em 1998, em outras nove edições, quem venceu o jogo de ida, sagrou-se campeão, casos de Vitória (97 e 99), Bahia (2002), Campinense (2013), Sport-PE (2014), Ceará (2015), Santa Cruz (2016), Sampaio Corrêa (2018) e Fortaleza (2019). Ou seja, se quiser ser campeão, o Esporte Clube Bahia precisará derrubar esse TABU.  De 2013 para cá, quando a Copa do Nordeste passou a ser chancelada pela CBF, apenas um ano não houve vencedor nos primeiros 90 minutos. No torneio de 2017, o Bahia empatou o jogo de ida com o Sport-PE, por 1 a 1, na Ilha do Retiro, e venceu na volta, na Fonte Nova, por 1 a 0, com gol de Edigar Junio. O técnico tricolor na ocasião era justamente Guto Ferreira.

CONFIRA TODAS AS FINAIS DA COPA DO NORDESTE:

1994
Sport-PE 0 x 0 CRB (pênaltis: 3 x 2)

1997
Bahia 0 x 3 Vitória
Vitória 1 x 2 Bahia

1998
Vitória 2 x 1 América-RN
América-RN 3 x 1 Vitória

1999
Vitória 2 x 0 Bahia
Bahia 1 x 0 Vitória

2000
Vitória 2 x 2 Sport-PE
Sport-PE 2 x 2 Vitória (O Sport foi campeão por ter feito melhor campanha ao longo do campeonato)

2001
Bahia 3 x 1 Sport-PE

2002
Bahia 3 x 1 Vitória
Vitória 2 x 2 Bahia

2003
Fluminense de Feira 1 x 1 Vitória
Vitória 0 x 0 Vitória (O Vitória foi campeão por ter feito melhor campanha ao longo do campeonato)

2010
Vitória 2 x 1 ABC

2013
ASA 1 x 2 Campinense
Campinense 2 x 0 ASA

2014
Sport-PE 2 x 0 Ceará
Ceará 1 x 1 Sport-PE

2015
Bahia 0 x 1 Ceará
Ceará 2 x 1 Bahia

2016
Santa Cruz 2 x 1 Campinense
Campinense 1 x 1 Santa Cruz

2017
Sport-PE 1 x 1 Bahia
Bahia 1 x 0 Sport-PE

2018
Sampaio Corrêa 1 x 0 Bahia
Bahia 0 x 0 Sampaio Corrêa

2019
Fortaleza 1 x 0 Botafogo-PB
Botafogo-PB 0 x 1 Fortaleza

Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. Confira o provável time do Bahia para enfrentar o Jacuipense neste domingo

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*