Bahia completou nesta quarta-feira 100 dias sem entrar em campo

Bahia entrou em campo pela última vez no dia 14 de março

(Foto: Diego Simonetti/América-RN)

O Esporte Clube Bahia completou nesta quarta-feira (24) exatos 100 dias sem futebol decorrência de crise do coronavírus que assolou e ainda assola o mundo inteiro causando mortes e paralisando quase todos os segmentos esportivos ou não. A última vez que o tricolor entrou em campo foi dia 14 de março, um sábado, e garantiu classificação antecipada na Copa do Nordeste ao vencer o América-RN por 2 a 0 na Arena das Dunas, com gols de Juninho Capixaba e Élber. Além do Torneio Regional, o time de Roger Machado garantiu vaga na segunda fase da Copa Sul-Americana ao vencer o Nacional-PAR (3 x 0 na Fonte Nova e 3 x 1 no Paraguai). O torneio foi suspenso pela Conmebol com o prazo inicial até o dia 5 de maio. Já pelo Campeonato Baiano o tricolor apenas empatou com o Doce Mel em plena Arena Fonte Nova. São mais de três meses de bola parada. O recesso atingiu duramente todas as divisões do clube.

 

Inicialmente o clube em dia 26 de março concedeu férias coletivas para todos os jogadores e membros da comissão técnica entre os dias 1° e 20 de abril. Encerrado essa etapa o clube retomou as atividades à distância, com cada atleta realizando trabalhos físicos em sua própria casa.

Numa terceira etapa, agora no dia 16 de Junho, após um longo período sem atividades, o elenco Tricolor retornou ao trabalho no Centro de Treinamento Evaristo de Macedo obedecendo o protocolo médico do clube. Os trabalhos estão sendo realizados de forma individualizada mantendo uma distância segura entre os atletas.

Quando retomar a normalidade e – se voltar – o Bahia enfrentará o Náutico em partida sem data ou local definido valendo pela última rodada da fase do grupo da Copa do Nordeste. Classificado, o Bahia briga pelo primeiro lugar com o Fortaleza, ambos com 14 pontos. O time cearense encerra sua participação enfrentando o já eliminando América-RN na Arena Castelão na capital Cearense. Pelo Campeonato Baiano, o tricolor de aço é o líder isolado com 15 pontos e com a classificação praticamente assegurada. Seu próximo compromisso, se houver, acontece no Estádio Antonio Carneiro enfrentando o Atlético de Alagoinhas que ocupa a quinta posição com 11 pontos e segue brigando com Vitória e Bahia por uma das vagas do G4 com a mesma quantidade de pontos.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*