Renê Júnior abre o jogo sobre saída do Corinthians e discorda de treinador

Ex-volante do Bahia foi emprestado ao Coritiba no início do ano

Renê Júnior (Foto: Divulgação/Coritiba

Fora dos planos do técnico Tiago Nunes para a temporada 2020, o volante Renê Júnior foi emprestado pelo Corinthians ao Coritiba até dezembro de 2021. O jogador, que se destacou pelo Esporte Clube Bahia em 2017, atuou cinco jogos pelo Coxa (4 pelo Estadual e 1 pela Copa do Brasil) antes da paralisação das competições em virtude da pandemia do coronavírus. Não foi somente Renê que deixou o Timão após a chegada do ex-treinador do Athletico-PR, campeão da Sul-Americana e da Copa do Brasil. Dois líderes do elenco e ídolos da torcida também foram descartados pelo técnico: o volante Ralf e o meia Jadson. Em entrevista ao ‘Esporte Interativo’, Renê Júnior abriu o jogo sobre sua saída do clube paulista e discordou de certas atitudes de Tiago Nunes.

 

“Assim, não digo nem chateação igual ouvi outros casos, do Ralf e tudo mais. O meu mesmo foi falta de oportunidade pós-lesão. Mas paciência, chegou outro treinador, mudou tudo. Respeito, mas certas coisas não concordo. Mas quem sou eu para concordar, ainda mais com um treinador que chegou e está implementando várias coisas novas? Fico na torcida por todos meus amigos que ficaram lá. Meu momento é outro, estou vestindo outra camisa e estou feliz”, disse, ainda comentando que não teve contato direto com Tiago.

“Não tive contato com ele diretamente. Fui notificado no final das férias que ele não contava com meu futebol e me deram a explicação que seria outro estilo de jogo e eu não me encaixava. Paciência. Futebol tem dessas coisas, muda muito rápido. Ele tinha as prioridades dele, estou feliz. O Corinthians vai me dar oportunidade de mostrar meu futebol. Mas foi mais isso. Que ele tinha as prioridades e não me encaixava naquele momento. Que ele possa fazer um grande trabalho no Corinthians. Tenho certeza que eu vou fazer um grande ano no Coritiba e eu vou trabalhar para isso”, analisou.

Natural do Rio de Janeiro (RJ), Renê dos Santos Junior tem 30 anos e deu os primeiros passos no futebol nas divisões de base do Estácio de Sá e do Madureira-RJ. Acumula passagens ainda por Figueirense, Democrata-GV, Salgueiro, Mogi Mirim, Ponte Preta até chegar aos Santos em 2013. No ano seguinte, foi contratado pelo Guangzhou Evergrande, da China, ficando no futebol chinês duas temporadas e retornando ao Brasil em 2016 para defender a Ponte Preta.

Em setembro de 2016, foi emprestado ao Bahia, onde se destacou, porém, no ano seguinte. Após atuar 9 vezes em 2016, ele se firmou como titular em 2017, entrando em campo 48 vezes e marcando 5 gols. Chamou a atenção do Corinthians que o contratou, no entanto, no Timão conviveu com as lesões e só atuou 13 vezes em duas temporadas (2018-2019) e marcou um gol.

Deixe seu comentário!

1 Trackback / Pingback

  1. Volante destaque no Bahia em 2017 elogia Gregore: "Joga muito"

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*