Com gol aos 48, Bahia vence o Vitória em Ba-Vi eletrizante pelo Baianão

Esquadrão segue na liderança do Baianão e agora isolado

Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

No segundo BA-VI do ano, desta vez envolvendo os times de aspirantes, diga-se, bastante disputado e movimentado do primeiro ao último minuto, o Esporte Clube Bahia venceu o Esporte Clube Vitória pelo placar de 2 a 1 na tarde deste domingo (1º), no Estádio Manoel Barradas, pela sexta rodada do Campeonato Baiano. O Esquadrão abriu o placar com o zagueiro Anderson, o atacante Eron igualou o placar no Barradão, no entanto, no último lance da partida, o meia Arthur Rezende marcou em bela cobrança de falta e decretou o triunfo tricolor por 2 a 1, sendo que todos os gols aconteceram no segundo tempo.

 

Com o triunfo, o time de Dado Cavalcanti mantém a invencibilidade no Estadual e segue na liderança, agora de forma isolada, chegando aos 14 pontos e abrindo três em relação a equipe de Agnaldo Liz. O Esquadrão volta a campo no próximo domingo (08/03) para enfrentar o Doce Mel, às 16h, em Pituaçu. Já o Leão visita o Jacuipense, dia 15 de março, às 16h, no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe.

O BA-VI começou nervoso no Estádio Manoel Barradas e logo aos 4 minutos, muita reclamação por parte dos tricolores por conta de um pênalti não marcado pelo árbitro, em que o goleiro Lucas Arcanjo derruba o atacante Gustavo. O primeiro tempo foi bastante movimentado e os dois times tiveram chances de abrir o placar. Na etapa final, o Leão retornou melhor e sufocando o rival, porém, quem abriu o placar foi o Tricolor Baiano aos 22 minutos com o zagueiro Anderson, de cabeça, após cobrança de escanteio. O Rubro-Negro respondeu aos 34 minutos, com gol do atacante Eron, também de cabeça, livre na pequena área, igualando o placar. Mas aos 48 minutos, Arthur Rezende de falta decretou o triunfo tricolor por 2 a 1.

FICHA TÉCNICA
Vitória x Bahia
Campeonato Baiano – 6ª rodada
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: 01/03/2020 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos (CBF/BA)
Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha Matos (Fifa/BA) e Elicarlos Franco de Oliveira (CBF/BA).

Vitória: Lucas Arcanjo, Wellisson, Carlos, Nuno e Leocovick; Gabriel Bispo, Romisson (Alexsander) e Eduardo; Matheus Tenório (Rodrigo Carioca), Ruan Levine (Negueba) e Eron. Técnico: Agnaldo Liz.

Bahia: Fernando; Willean Lepo, Ignácio, Anderson e Mayk; Edson (Caio Mello), Yuri e Arthur Rezende; Gustavo, Alesson (Régis Tosatti) e Saldanha (Caíque). Técnico: Dado Cavalcanti.

 

 

Deixe seu comentário

2 Comentário

  1. Demos uma carreira nas galinhas e fizemos um gol aos 49 para as frangas não seguirem o exemplo das velhas galinhas fujonas kkkkkkkkkkkkkkk Paulo Ovelha discarado.kkkkkkkkkk. corre galinhas, corre franguinhas

  2. Ganhamos lá no Barralixo e as galinhas não tiveram tempo de fugir , mas cacarejaram que foi uma beleza!!
    Vencemos, MAS pelo amor de Deus, esse zagueiro Anderson mesmo fazendo o gol passou muita insegurança para o time. Poderemos até ser campeão, mas são poucos os jogador que demonstram condições para subir parra elenco principal.
    Bom, ganhar da Pititingas não tem preço!! BBMP

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*