Agnaldo Liz analisa atuação do Vitória no Ba-Vi e lamenta erros cruciais

"a gente estava perto de fazer o segundo gol", analisou.

Apesar da derrota por 2 a 1 neste domingo no clássico BA-VI disputado no Barradão pela sexta rodada do Campeonato Baiano, o técnico Agnaldo Liz ficou satisfeito com a atuação do time do Vitória, no entanto, lamentou os erros cruciais e o gol sofrido no último lance da partida, aos 48 minutos do segundo tempo numa cobrança de falta do meia Arthur Rezende. O treinador, porém, aprovou a atuação da equipe que teve maior volume de jogo no segundo tempo e chegou perto do segundo gol após conseguir o empate.

 

“Um jogo que a gente sabia que íamos enfrentar porque o adversário, a gente trabalhou muito em cima das características. Um adversário que vinha atuando desde o início quase que com a mesma formação. Nós entramos preparados para fazer um grande jogo. Lamentamos a derrota. Dói principalmente no lance do último minuto. A equipe do Bahia é muito bem treinada, trabalha com essa saída, essa construção de jogo atrás muito bem. Conseguimos fazer no início. Eles arriscaram muito essa jogada. Conseguimos roubar algumas bolas e tivemos a chance de matar o jogo. A intensidade estava muito boa, porém a equipe deles estava inteira”, disse.

“No primeiro tempo teve algum equilíbrio, mas no segundo nossa equipe foi muito mais contundente. A intensidade, nossas jogadas, a gente perdeu alguns gols, mas com trabalho de triangulações. A gente não conseguiu traduzir isso em gol. Dois erros que a gente teve. Foi tentar sair jogando e perdemos uma bola, muito difícil. Estava programado para neutralizar essa saída. Numa bobeira tomamos um gol. Tivemos algumas mudanças, conseguimos controlar sem desespero. Conseguiu empatar, controle, incendiamos a partida, torcedor veio junto. A própria equipe adversaria sentiu o volume de jogo de nossa equipe e teve dificuldade. A equipe deles cansou no final, e a gente estava perto de fazer o segundo gol”, completou.

Com o triunfo, o time de Dado Cavalcanti mantém a invencibilidade no Estadual e segue na liderança, agora de forma isolada, chegando aos 14 pontos e abrindo três em relação a equipe de Agnaldo Liz. O Esquadrão volta a campo no próximo domingo (08/03) para enfrentar o Doce Mel, às 16h, em Pituaçu. Já o Leão visita o Jacuipense, dia 15 de março, às 16h, no Estádio Eliel Martins, em Riachão do Jacuípe.

Comentários:

1 Comentário

  1. O Zeca é um grande defensor e com habilidades de apoio ao ataque…. uma ótima opção para reforçar nossa defesa e fortalecer nosso ataque….

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*