Retorno de Neymar ao Barcelona passa por pedido de desculpas, diz Messi

Questão: teria Neymar, aos 28 anos, humildade suficiente para pedir perdão

O retorno do atacante Neymar hoje no PSG para o Barcelona já virou um uma autentica novela, porém, seja cedo ou tarde acabará tendo um final feliz como qualquer novela que se preze. É claro o desejo do jogador voltar ao Barcelona, mesmo sabendo que outra vez será ofuscado pelo astro Lionel Messi que tem uma longa história de sucesso do time catalão.  No ano passado, até que Neymar tentou, porém, o Paris Saint-Germain não permitiu através da recusa dos valores ofertados pelos espanhóis. Contudo, segundo acordo o jornalista Luiz Curro do Jornal de São Paulo em matéria veiculada neste Domingo, Neymar não deixou de querer, não desistiu, muito pelo contrário. Ele não vê a hora de novamente desembarcar na Espanha.

Ainda segundo o jornalista, quem garante a informação é Lionel Messi, amigo pessoal do atacante Brasileiro baseado na entrevista de Lionel Messi ao jornal catalão Mundo Deportivo neste Domingo. Porém, sabedor de que a torcida guarda enorme mágoa do brasileiro, que deu as costas ao time azul e grená em 2017 para se tornar figura central no PSG, Messi afirma que Neymar deve desculpas aos torcedores.

“Esse seria o primeiro passo para tentar o regresso”, declarou o argentino, colega de Neymar na conquista da Liga do Campeões da Europa (Champions League) em 2015. Essa é a questão, questiona o jornalista. Neymar, aos 28 anos, teria  humildade suficiente para pedir perdão ao clube e à torcida por tê-los abandonado há três anos?

Ele pode até surpreender e se curvas as desculpas ainda que não seja 100% sincera, mas é bom lembrar que, nas negociações frustradas de meses atrás para deixar a França e retornar à Espanha, em nenhum momento Neymar indicou, ao menos não abertamente, que se desculparia.

Até o meio do ano, é certo que Neymar ficará no PSG, que pagou ao Barcelona por ele o maior valor despendido até hoje por um futebolista: € 222 milhões (R$ 1,05 bilhão pelo câmbio atual). Em junho, encerrada a temporada, será preciso saber se a direção do clube terá mudado de ideia e estará aberta a negociar o craque, cujo contrato só se encerra na metade de 2022.

Apesar de ter sido derrotada no jogo de ida por 2 a 1 pelo Borussia Dortmund, com gol de Neymar na Liga dos Campeões, ainda existe o confronto de volta das oitavas de final que será no dia 11 de março, uma quarta-feira, no estádio Parque dos Príncipes, em Paris.

Se o PSG fracassar certamente haverá um entendimento que o casamento deeNeymar com o PSG não deu certo e que a vontade dele, conforme escancarou Messi, de reatar o antigo relacionamento terá maior intensidade, ainda assim, haverá a necessidade do pedido de desculpas.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*