Gilberto supera Edigar Junio no Bahia e assume artilharia da Sul-Americana

Gilberto chegou aos 45 gols com a camisa tricolor

Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Na última temporada, Gilberto balançou as redes 29 vezes em 58 jogos com a camisa do Bahia. Em 2020, já são 7 gols em 8 jogos, dois deles marcados na noite da última quarta-feira no triunfo histórico sobre o Nacional-PAR por 4 a 1 no Paraguai, pela partida de volta da Copa Sul-Americana. Contratado no segundo semestre de 2018, o camisa 9 chegou aos 45 gols em 91 jogos com a camisa tricolor, superando Edigar Junio que jogou no Esquadrão de 2016 até 2018 e marcou 44 gols em 141 jogos. Hoje atua no Yokohama Marinos, emprestado pelo tricolor baiano. Gibagol, como é chamado pela torcida, é o artilheiro da Copa do Nordeste com 4 gols e artilheiro da Sul-Americana com 3 gols.

 

O centroavante agora está a cinco gols de igualar Zé Carlos, meia que foi campeão brasileiro em 1988, balançou as redes 50 vezes e ocupa a 36ª posição da lista de artilheiros. Outro jogador histórico que Gilberto está perto de alcançar é o ex-atacante Robgol, que defendeu o Bahia entre 2001 e 2002 e formou um trio de ataque icônico, com Nonato e Sérgio Alves. Na 31ª posição da lista de artilheiros do Tricolor, Robgol marcou 53 gols, portanto, oito a mais do que Gilberto possui atualmente.

Deixe seu comentário

3 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*