Cruzeiro pode fazer proposta ao Bahia para ter Régis por empréstimo

Régis atuou apenas 32 minutos até aqui na temporada pelo Bahia

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Com poucas oportunidades com o técnico Roger Machado, o meia Régis ainda não tem presença garantida no Esporte Clube Bahia nesta temporada. Recentemente, ele foi oferecido ao Cruzeiro em uma possível troca com Éderson, mas as conversas não evoluíram e o volante chegou a um acordo para deixar a Raposa e está perto de assinar com o Corinthians. Apesar de não ter feito nenhuma proposta, o clube mineiro segue interessado em Régis de acordo com o diretor de futebol Ocimar Bolicenho, no entanto, o dirigente afirmou que só fará uma proposta caso o nome do atleta seja aprovado em reunião com o técnico Adilson Batista e sua comissão técnica marcada para acontecer após o carnaval.

 

Esse ano, até aqui, Régis atuou apenas dois jogos, contra River-PI pela Copa do Brasil e CSA pela Copa do Nordeste, ambos saindo do banco de reservas, exatos 32 minutos em campo. Na última segunda-feira, o Bahia anunciou a contratação do meia Rodriguinho, aumentando a concorrência no setor.

Régis chegou ao Bahia em 2016, emprestado pelo Sport-PE, após passagem apagada pelo Palmeiras. Na primeira temporada pelo tricolor, marcou 4 gols em 26 jogos. Em 2017, deslanchou e foi peça importante na conquista da Copa do Nordeste, marcando 13 gols em 49 jogos no ano. Acabou sendo envolvido na negociação pelo goleiro Jean e ficou em definitivo no Tricolor. Em 2018, manteve as boas atuações, atuando 43 vezes e marcando 6 gols, atraindo a atenção do Al-Wehda que pagou para ter o jogador por empréstimo em setembro de 2018 até julho de 2019. Porém, não atuou pela equipe árabe e retornou ao Brasil, sendo emprestado ao Corinthians, atuando apenas sete jogos na temporada passada.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*