Confira o regulamento e detalhes do Campeonato Baiano 2020

Estadual começa nesta quarta-feira com cinco jogos

O Campeonato Baiano da Série A começa nesta quarta-feira (22) com cinco jogos, destaque para a dupla BA-VI que irá utilizar o time sub-23. O Esporte Clube Bahia visita a Juazeirense, às 21h30, no Estádio Adauto Moraes, enquanto o Esporte Clube Vitória abre a competição enfrentando o Jacobina, às 19h30, no Estádio Manoel Barradas. Dez clubes vão disputar a competição em 2020, sendo eles: Atlético de Alagoinhas, Bahia, Bahia de Feira, Doce Mel, Fluminense de Feira, Jacobina, Jacuipense, Juazeirense, Vitória e Vitória da Conquista. O novato é o Doce Mel, recém-chegado à elite do futebol baiano após campeão da Série B do Baiano esse ano vencendo na final o Olímpia, e terá como adversário na estreia o Bahia de Feira, vice-campeão em 2019.

 

REGULAMENTO

Fórmula – A fórmula escolhida é a mesma utilizada no Baianão 2019. Os dez clubes (Esporte Clube Vitória, Esporte Clube Bahia, Sociedade Desportiva Juazeirense, Fluminense de Feira Futebol Clube, Jacobina Esporte Clube, Esporte Clube Jacuipense, ECPP Vitória da Conquista, Associação Desportiva Bahia de Feira, Alagoinhas Atlético Clube e Doce Mel Esporte Clube) ficarão no mesmo grupo, de número 1, na fase de classificação. Com pontos corridos, as equipes se enfrentarão no sistema de jogos apenas de ida, classificando-se para a semifinal as quatro primeiras colocadas.

Na semifinal, os quatro times classificados formarão dois novos grupos. No grupo 2 ficarão o 1º colocado e o 4º colocado da primeira fase. O grupo 3 terá o 2º e 3º colocados. Eles se enfrentarão dentro de cada grupo, em jogos de ida e volta. Os mandos de campo dos jogos de volta serão das equipes melhores colocadas na primeira fase. Havendo empate em número de pontos ganhos e saldo de gols, as vagas na final serão decididas nas cobranças de pênaltis.

Os dois vencedores da segunda fase fazem a disputa do título, também em jogos de ida e volta, com o segundo jogo na casa daquele de melhor campanha. O campeão, também havendo empate em pontos e saldo de gols após as duas partidas, será conhecido nas cobranças de pênaltis.

Rebaixamento e Acesso – A FBF apresentou proposta para que dois clubes fossem rebaixados e dois subissem da Série B. Mas, por unanimidade, os clubes decidiram que, em 2020, apenas uma equipe será rebaixada para a Série B de 2021. Com isso, apenas uma vaga na elite será disponibilizada na Série B. Todos os clubes concordaram, porém, em discutir uma mudança no número de vagas para o campeonato de 2021.

Copa do Nordeste – Terá direito à primeira vaga para a Copa do Nordeste 2021 o clube campeão do Baianão 2020. A segunda vaga será do clube mais bem posicionado do estado no ranking nacional de clubes da CBF. Já a terceira vaga, para a Pré-Copa do Nordeste, será do clube que tiver a melhor colocação no Baianão, excluindo os clubes detentores da primeira e segunda vagas. Caso o campeão baiano não seja das Séries A ou B do Brasileirão, a vaga na Pré-Copa do Nordeste será do segundo clube mais bem posicionado do estado no ranking nacional de clubes da CBF.

Copa do Brasil – Terão direito às três vagas da Bahia na Copa do Brasil o campeão, vice-campeão e 3º colocado do Baianão 2020. O Esporte Clube Jacuipense apresentou proposta para que uma ou duas vagas fossem direcionadas para outra competição estadual a ser realizada no segundo semestre. Mas, todos os demais clubes rejeitaram a sugestão.

Série D do Brasileirão – Já para a Série D do Brasileirão 2021, duas vagas serão destinadas aos clubes melhores colocados, desde que não sejam integrantes de outras séries do Campeonato Brasileiro. A terceira vaga na Série D será destinada a uma competição a ser realizada no segundo semestre. Caso essa competição não seja viabilizada, esta última vaga será dada ao terceiro clube melhor colocado no Baianão 2020 que não seja integrante de outra série do Brasileirão.

Copa Governador do Estado ou outra competição – Para a Copa Governador do Estado ou outra competição que venha a substituí-la no segundo semestre, e que poderá receber a terceira vaga na Série D, os clubes rejeitaram a proposta da FBF para a inclusão de todos os participantes da Série B do Baianão 2020. Com abstenção de Bahia e Vitória, os demais decidiram em votação que apenas o campeão e o vice-campeão da Série B poderão participar da competição.

VAR – O Árbitro de Vídeo está mantido para o Baianão 2020. Também em votação e por unanimidade, os clubes decidiram que o VAR será utilizado apenas nos dois jogos da final do campeonato. A tabela e regulamento do Baianão 2020 serão divulgados posteriormente pela FBF. Já a fórmula do Baianão Sub-20 será definida em outra reunião a ser agendada pela presidência da entidade.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*