Nordeste pode ter quatro clubes na Série A e seis na Série B em 2020

Ceará ainda luta para se manter na elite do futebol nacional

Neste domingo (08), todos os nordestinos irão se juntar à torcida do Ceará e torcer pela permanência do Vozão na elite do futebol nacional. Para isso, basta um simples empate diante do Botafogo no Nilton Santos. Se perder, precisará torcer para que o Cruzeiro não vença o Palmeiras no Mineirão. Caso o Vovô confirme sua permanência, a região manterá quatro clubes na primeira divisão do futebol para 2020, com o Sport-PE ocupando o espaço do CSA que lutou com todas suas forças, mas não resistiu e retornou para a 2ª divisão, além de Bahia e Fortaleza que estão garantidos não somente na elite, como também na Copa Sul-Americana. Ambos duelam neste domingo, às 16h, na Arena Castelão, pelo posto de melhor nordestino na Série A 2019.

 

Na Série C 2019, três das quatro vagas de acesso foram ocupadas por clubes nordestinos. Náutico, Sampaio Corrêa e Confiança de Sergipe, que se juntam a CSA (rebaixado na Série A), além de CRB e Vitória – ambos garantiram a permanência na Série B, sendo que o Leão brigou toda a competição contra o rebaixamento e o Galo Alagoano chegou a sonhar com o acesso, mas na reta final perdeu o gás e ficou de fora. O Timbu terminou como campeão da Série C 2019 vencendo na decisão a Bolívia Querida. O Nordeste poderia ter emplacado as quatro vagas da terceira divisão se o Imperatriz do Maranhão não fosse eliminado pelo Juventude nas quartas de final da competição.

Caso o Ceará se salve, teríamos: Ceará, Sport-PE, Bahia e Fortaleza na Série A 2020. Na Série B teríamos: Náutico, Sampaio Corrêa, Confiança-SE, Vitória, CRB e CSA.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*