Contra o Paraná, zagueiro Ramon completará 200 jogos pelo Vitória

O Jogador, de 24 anos, está na Toca do Leão desde 2014

Foto: ASCOM / Vitória

O duelo desta sexta-feira (8) entre Paraná Clube e Esporte Clube Vitória, em Curitiba (PR), será especial para o zagueiro Ramon, que vai entrar para o seleto grupo de jogadores que alcançaram 200 jogos no profissional com a camisa rubro-negra. O defensor, de 24 anos , está no clube desde 2014 quando chegou para atuar no Sub-20. Disputou naquele ano três jogos pelo Brasileiro da categoria em Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul. Sua estreia no profissional foi no ano seguinte diante da Juazeirense, em Juazeiro, pelo Campeonato Baiano, lançado pelo técnico Ricardo Drubscky.

 

Neste período, o zagueiro passou cinco meses emprestado ao Maccabi Tel Aviv, de Israel, entre janeiro e maio de 2017. Ramon já atuou 36 partidas este ano, sendo 27 pelo Brasileiro, 26 como titular e uma entrando no decorrer do jogo. O zagueiro iniciou a temporada no banco, atuou como titular contra São Bento e Atlético Goianiense, respectivamente, na quarta e na quinta rodadas. Na nona rodada entrou no decorrer do jogo em substituição a Zé Ivaldo, que se machucou, e desde da 10ª assumiu a posição em definitivo.

Os outros jogos este ano foram cinco pelo Baiano, três pela Copa do Nordeste e um pela Copa do Brasil. Dos 36 jogos, venceu 10, empatou 16 e perdeu 10. Com o manto rubro-negro, seu recorde de jogos foi em 2018: 49. Foi campeão baiano em 2016 e eleito para a seleção do campeonato naquele ano. Em 199 jogos, são 75 vitórias, 58 empates e 66 derrotas. Ramon marcou quatro gols. Natural de Riachão do Jacuípe (BA), Ramon Menezes Roma nasceu em 3 de maio de 1995, é destro e mede 1m86.

 

Deixe seu comentário

2 Comentário

  1. The very next time I read a blog, I hope that it does not fail me as much as this particular one. After all, I know it was my choice to read, but I truly believed you would probably have something interesting to talk about. All I hear is a bunch of crying about something you could possibly fix if you were not too busy looking for attention.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*