Geninho celebra pontos fora de casa e projeta novo duelo de “seis pontos”

Após vencer o Cuiabá por 3 a 1 na Arena Pantanal e somar um ponto precioso em Santa Catarina ao empatar por 1 a 1 com o Criciúma no Estádio Heriberto Hulse, adversário direto na briga que trava contra o rebaixamento, o Esporte Clube Vitória volta suas atenções para outro concorrente direto. O Leão agora enfrenta o Londrina, sexta-feira (18), às 21h30, no Barradão, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O Rubro-Negro com o empate se manteve no 15º lugar com 33 pontos.

 

“Nós temos outro jogo de seis pontos contra o Londrina, outra parada. Melhor que é em casa e se nós conseguirmos fazer a vitória, começamos a respirar um pouquinho”, disse Geninho.

O técnico Geninho destacou o bom aproveitamento do time fora de casa nos últimos jogos, quatro pontos em seis disputados. “Claro que a gente sempre quer o máximo, mas não posso reclamar. Nós saímos e tivemos dois jogos dificílimos. Eu falei para os meninos: se a gente mantiver essa performance atinge o objetivo. Se de cada seis pontos, ganhar quatro, tranquilamente chego ao objetivo que quero”.

O treinador também explicou as alterações feitas no intervalo do jogo contra o Criciúma. “Uma delas foi por ordem médica. O Lucas (Cândido) acabou saindo sentindo a coxa. O Romisson entrou bem e manteve o equilíbrio no meio. O Eron entrou bem melhor que o Felipe, que produziu pouco. Acho que hoje, se for analisar, fizemos um jogo bem abaixo dos dois últimos que tínhamos feito. Você começa a jogar terça e sexta, terça e sexta, tem uma hora que o jogador cai um pouco de produção. Isso aconteceu exatamente aqui. Um gramado pesado, contra uma equipe experiente”, finalizou.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*