Athletico volta a vencer o Inter e conquista o título da Copa do Brasil

Furacão fez a festa no Beira-Rio e frustrou os colorados

Menos de um ano após ser campeão da Copa Sul-Americana vencendo nos pênaltis o Junior Barranquila, o Athletico Paranaense volta a conquistar um título de expressão. Na noite desta quarta-feira (18), o Furacão venceu por 2 a 1 o Internacional no Estádio Beira-Rio, após vencer por 1 a 0 no primeiro jogo, na Arena da Baixada. O time paranaense abriu o placar com Léo Cittadini aos 23 minutos do primeiro tempo e colocou uma mão na taça, mas o Colorado empatou aos 30 com Nico López e reascendeu a esperança na briga pelo título, no entanto, jogando com enorme frieza na casa do adversário, o Athletico foi para o ataque e matou o jogo marcando o segundo nos acréscimos em jogada genial de Marcelo Cirino e gol de Rony aos 51 minutos, levantando a taça e embolsando como premiação R$ 52 milhões.

 

CAMINHO ATÉ A FINAL

Como disputou a Copa Libertadores, o Athletico-PR entrou nas oitavas de final da Copa do Brasil e no primeiro desafio, despachou o Fortaleza, empatando por 0 x 0 na Arena Castelão e vencendo por 1 a 0 na Arena da Baixada. Nas quartas de final, superou o afamado Flamengo, na época já comandado por Jorge Jesus, após empatar os dois jogos por 1 a 1 e vencer nos pênaltis por 3 a 1 em pleno Maracanã. Nas semifinais, eliminou outro candidato ao título, o Grêmio de Renato Gaúcho. O Furacão perdeu por 2 a 0 em Porto Alegre, mas devolveu o placar em Curitiba e nas penalidades máximas venceu por 5 a 4.

Deixe seu comentário

2 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*