Ex-Vitória se torna o maior artilheiro da história do Campeonato Chinês

Elkeson marcou neste domingo e chegou aos 103 gols na competição

Neste domingo, o atacante Elkeson, cria das divisões de base do Esporte Clube Vitória, foi o principal destaque na vitória do líder Guangzhou Evergrande por 3 a 1 sobre o Beijing Guoan. O jogador, além de uma assistência, marcou um dos gols e chegou aos 103 gols no Campeonato Chinês, se tornando o maior artilheiro da história da competição. Ele ultrapassou Wu Lei, ex-Shanghai SIPG e que hoje defende o Espanyol, da Espanha. Revelado no Vitória, onde jogou de 2009 até 2011 e marcou 18 gols em 99 jogos pelo time principal, o jogador acumula passagens por Botafogo e Shanghai SIPG, da China.

 

Em 2014, Elkeson tinha batido outro recorde na China, ao marcar 26 gols no torneio nacional, se tornando o jogador que balançou as redes em uma única edição. Com a vitória, o Guangzhou Evergrande disparou na liderança, chegando aos 58 pontos e deixando o próprio Beijing Guoan na segunda posição, com 51.

“Fico muito feliz por mais esse momento que estou vivendo aqui na China, pelo gol marcado e pela vitória da nossa equipe. Já tinha o recorde de gols em uma única edição pelo Guangzhou e, de novo aqui, bato mais essa marca, de maior artilheiro do Campeonato Chinês. É fruto de muito trabalho, de dedicação e só tenho a agradecer todo o carinho que o povo chinês me deu. Espero que possa sempre estar em evolução para conquistar mais coisas aqui. Sabíamos que seria um jogo muito difícil, fora de casa, contra uma equipe muito forte que liderou a competição por muito tempo. Soubemos impor o nosso estilo de jogo e, graças a Deus, voltar com os três pontos pra casa”, disse o jogador.

O Guangzhou Evergrande volta a campo na próxima quinta-feira (15/08), às 08h35, para enfrentar o Chongqing Dangdai. “Agora é descansar e já pensar no próximo adversário para mantermos a pegada e seguirmos fortes na liderança do torneio”. 

Deixe seu comentário

2 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*