Presidente do El Nacional confirma venda de atacante pretendido pelo Vitória

Vitória pode adquirir 70% dos direitos de Jordy Caicedo

Foto: Marcelo Gallo

Em entrevista a um programa de rádio no Equador, a presidente do El Nacional, Lucia Vallecilla, comentou sobre a saída do atacante Jordy Caicedo, de 21 anos, que vem sendo especulado como possível reforço do Esporte Clube Vitória. Ela revelou que foi notificada da venda do atleta pela Universidad Católica (clube dono do passe do jogador) e diz ter ficado incomodada com o tratamento recebido. Além disso, cobra do Universidad Católica uma multa de 500 mil dólares pela rescisão unilateral. O El Nacional chegou a comunicar a renovação no contrato de empréstimo com o atacante. O Vitória ainda não se pronunciou sobre o assunto.

 

“Estou incomodada com o tratamento recebido pela Universidad Católica em relação ao jogador Jordy Caicedo. Fomos notificados de que ele foi vendido e não pretendem pagar ao El Nacional uma rescisão de 500 mil dólares em decorrência da venda”, afirmou à emissora local.

Apesar da informação soltada pela rádio Huancavilca830 do Equador sobre uma possível renovação do vínculo com o El Nacional, o atacante Jordy Caicedo estaria cada vez mais próximo de ser contratado pelo Esporte Clube Vitória. De acordo com a imprensa equatoriana, o clube baiano teria conseguido um investidor para comprar 70% dos direitos econômicos do equatoriano que tem seu passe preso à Universidad Católica-EQU. Com as negociações avançadas, o atleta pode desembarcar em Salvador a qualquer momento.

Revelado na Universidad Católica, onde marcou 6 gols em 46, nas três últimas temporadas, Jordy Josué Caicedo Medina foi emprestado ao El Nacional em 2019 e em 13 jogos, anotou 7 gols. O jogador também acumula convocações para a Seleção do Equador, inclusive, participou do Mundial Sub-20, na Coreia em 2017, e do Sul-Americano Sub-20 de 2017, no Equador, onde foi vice-campeão. Ele é considerado uma das promessas do futebol equatoriano e chegará ao Leão em definitivo para reforçar o contestado setor de ataque que tem no momento Neto Baiano e Anselmo Ramon como concorrentes de posição.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*