Vitória estreia no Brasileiro da Série B com poucas chances de acesso

Leão não tem muitas perspectivas no cenário atual

Os Estaduais em quase todas as praças estão finalizados e agora, as atenções da maioria dos clubes estão voltadas para o Campeonato Brasileiro da Série B que será iniciado na próxima sexta-feira com a realização de quatro jogos. A Série B em 2019, assim como 2018, não comporta clubes de “VAGA GARANTIDA”, aqueles que dormem, porém, não acordam na divisão no ano seguinte, e assim, as disputas prometem dureza até o final, aliás, como aconteceu no ano passado com o acesso do Fortaleza, CSA, Avaí e Goiás onde a lista completa dos classificados aconteceu justamente na última rodada.

Desembarcam oriundos da Série C, o Cuiabá, onde o meia Escudeiro vai atuar, o Operário (PR) e os paulistas Bragantino e Botafogo de Ribeirão Preto. A região do Nordeste, este ano contará com apenas três clubes. Vitória, Sport-PE e CRB. O Sampaio Corrêa desceu para Série D, enquanto CSA e Fortaleza subiram para a Série A.



Difícil fazer prognósticos com tamanha antecedência, especialmente no futebol, no entanto, considerando, peso, camisa, tradição e o momento. Ponte Preta, América-MG, Sport, Guarani e Coritiba, dão indícios que vão brigar na parte de cima da tabela.

Já o Esporte Clube Vitória, pela desorganização, pela confusão administrativa por lá instalada já por alguns anos, e, sobretudo pela falta de investimento no departamento de futebol em um time que foi apenas quinto colocado no Baiano e eliminado pelo Moto Club na Copa do Brasil não pode autorizar qualquer torcedor de boa ou mínima consciência acreditar nada mais além que o clube brigará para se manter na divisão, incluindo aí os apaixonados, mas é claro, isto salvo uma improvável reviravolta implementada pelo novo presidente, certamente Paulo Carneiro.

O Leão estreia no próximo sábado (27) enfrentando o Botafogo-SP um dos recém promovido para a divisão dentro do Estádio Santa Cruz no Interior de São Paulo. A novidade deste jogo será a estreia do horário das 11h em um dia de sábado no calendário do futebol brasileiro, fora essa, este ano, a cada rodada, haverá um jogo no domingo no tradicional horário das 16h. A estreia do Leão dentro de casa acontece no sábado seguinte (4) enfrentando o Vila Nova, dentro do Estádio do Barradão.

Jogos da Série B – 1ª rodada

Sexta-feira
19h15 – Operário x América-MG
19h15 – Brasil de Pelotas x Bragantino
21h30 – São Bento x Atlético-GO
21h30 – Sport-PE x Oeste

Sábado
11h00 – Botafogo-SP x Vitória
16h30 – Guarani x Figueirense
16h30 – Criciúma x Cuiabá
21h00 – Vila Nova x Paraná

Domingo
16h00 – CRB x Londrina

Segunda-feira
20h00 Coritiba x Ponte Preta

Deixe seu comentário

2 Comentário

  1. Vice hoje deve se preocupar em não cair para a C.

    Lembrando que este ano não há paraquedas, então Vitória, Sport etc estão todos com finanças próximas aos demais candidatos.

    Este ano há, porém, um diferencial: investimento pesado da Red Bull que comprou o Bragantino, que entra como maior favorito. Além deste, há os de sempre como América-MG. Sport está apenas no estadual, difícil medir sua força. Paraná e Coritiba não são grande coisa. Times paulistas são os que devem ser mais temidos, bem como Figueirense

  2. Apesar de toda expectativa negativa que visualizamos neste momento, além de uma equipe tecnicamente fraca, mas, seu principal problema hoje são os salários atrasados, este sim é um fator bastante preocupante, porém apesar de toda essa onda de desanimo, digo a torcida do Vitória que ele irá com toda certeza subir, porque existe um fator fundamental para mudar e oxigenar toda essa esperança, que são as eleições diretas, se o atual presidente não tivesse bom senso e tivesse antecipado as eleições, diríamos que o Vitória iria de novo cair para terceira divisão, porque o grande problema do Vitória são as famílias que se acham donas do clube, e não deixam nenhum presidente que não tenha seu crivo trabalhar em paz.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*