Deputada cobra respeito de Paulo Carneiro e relata medo do time feminino

“Paulo Carneiro precisa se colocar no seu lugar", dispara ela

Foto: Mateus Pereira/AGECOM

Na semana passada, o candidato à presidência do Vitória pela chapa “Vitória Gigante Unido e Forte” e apontado como favorito para vencer as eleições do próximo dia 24, Paulo Carneiro, deu uma declaração polêmica em entrevista ao jornalista Rafael Teles, do Jornal A Tarde, ao afirmar que se eleito não permitiria que o time feminino do Leão treinasse no Barradão, que segundo ele, “é lugar de futebol masculino”, e que as meninas teriam que arranjar outro local, indicando a sede náutica, na Ribeira.

Torcedora do Vitória e Deputada Estadual pelo PC do B, Olívia Santana em discurso na tribuna da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) nesta segunda-feira (22), rebateu a declaração de Paulo Carneiro e cobrou respeito para com o futebol feminino, destacando que o clube não faz um favor ao futebol feminino e sim cumpre com uma obrigação legal. Olívia, que é presidente da Comissão dos Direitos da Mulher na AL-BA, revelou ter sido procurada por algumas jogadoras que relataram medo após as falas de PC.

Veja abaixo:

 

“Paulo Carneiro precisa se colocar no seu lugar. Lugar de quem preserva a lei e respeita as mulheres. Como torcedora do Vitória, espero respeito para com o futebol feminino. O time feminino do Vitória tem direito de compartilhar o espaço com o time masculino e isso não é um favor que o clube faz, mas sim uma obrigação legal. O clima no time é de medo de que o candidato, caso vença, devaste o futebol feminino dessa forma truculenta e irresponsável”, disse Olívia.

Relembre a declaração de PC:

“A CBF obriga [os clubes a terem equipe feminina]. Ele está misturado com o futebol profissional do Vitória, e isso não vai acontecer. Podem se preparar as meninas para arranjar onde treinar, lá não vai acontecer. Na fisioterapia, na maca que tem uma mulher, tem um homem. Me chamem de tudo, mas lá não vai acontecer. Ali é lugar do futebol masculino. Isso é uma das primeiras providências que eu vou tomar. Vou ver se treinam na sede náutica, lá na Ribeira.”

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*