Brasileirão: Clubes aprovam VAR, mas vetam limite de técnico e atletas

Outra novidade será a Supercopa do Brasil

Nesta sexta-feira (22), em Conselho Técnico da Série A do Campeonato Brasileiro, os clubes aprovaram de forma unânime a proposta da CBF para que todos os 380 jogos da edição deste ano tenham o uso do árbitro de vídeo, o famoso VAR (sigla em inglês para “video assistant referee”). Diferente de 2018, a CBF esse ano decidiu se responsabilizar e arcar com todos os custos da tecnologia e a infraestrutura. As equipes vão ficar responsáveis pelas despesas de pessoal dos profissionais que vão operar a ferramenta.

Por outro lado, os clubes não aceitaram a proposta da CBF de limitar a troca de técnico por equipe durante a edição deste ano do Brasileirão. Outra ideia da confederação para 2019, a limitação de 40 jogadores inscritos na competição também foi vetada. Os times desejam que o número seja de 45 atletas.

Outra novidade será a Supercopa do Brasil, novo torneio que vai opor o campeão do Campeonato Brasileiro e o campeão da Copa do Brasil no início da temporada seguinte – jogo único em local previamente determinado. A CBF divulgou a criação da nova competição na última quinta-feira.



Deixe seu comentário

1 Comentário

1 Trackback / Pingback

  1. click to find out more

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*