Após denúncia, diretor da base do Vitória nega racionamento de comida

Segundo publicação, apenas os alojados teriam acesso ao almoço

FOTO: MAURÍCIA DA MATTA / EC VITÓRIA

Após denúncia feita por um perfil no Instagram, de que o Esporte Clube Vitória estaria fazendo racionamento de alimentação na base, o diretor responsável pelas divisões de base do Leão, Eduardo Costa, se pronunciou sobre o caso e desmentiu a informação. Ele relatou ter ido às lágrimas após ter visto a postagem na rede social e afirmou que jamais negaria alimento a um atleta. A publicação que viralizou nas redes sociais foi do perfil @ecvbase, afirmando que somente os alojados teriam acesso ao almoço.

“Há redução de custos em todas as áreas, entretanto, como essa é uma área sensível, eu solicitei que continuasse como estava. Quando vi a postagem as lágrimas me vieram aos olhos. Quem me conhece sabe que eu não negaria alimentação a um atleta. Sabe muito bem o quanto eu fiz pelo futebol feminino, imagina o que eu faria pela base que é um setor importantíssimo para o clube”, disse, ao site Arena Rubro-Negra.

Diretor de Esportes Olímpicos, Eduardo Costa assumiu a gestão da base do Vitória no fim de janeiro, após a demissão do então diretor de futebol, Jorge Macedo.

Veja abaixo a publicação:



Autor(a)

Fellipe Costa

Administrador e colunista do site Futebol Bahiano. Contato: [email protected]

Deixe seu comentário