Liverpool, adversário do Bahia na Copa Sul-Americana escolheu o nome no acaso

Bahia enfrenta outro Uruguaio na Copa Sul-Americana

A Confederação Sul-Americana de Futebol sorteou, hoje à noite, os duelos Copa Sul-Americana, em cerimônia realizada em Luque, no Paraguai onde está instalada a sede da Conmebol. Assim como aconteceu no ano passado, o Esporte Clube Bahia fará sua estreia enfrentando novamente uma equipe do Uruguai, agora o Liverpool, uma equipe de 103 anos de fundação, mas, no entanto, sem feito importante em competições internacionais.

O clube uruguaio disputou a Copa Sul-Americana de 2009, sendo eliminado na primeira fase, pelo Cienciano do Peru e na Copa Sul-Americana de 2012 foi despachado nas oitavas-de-final pelo Independiente da Argentina, pelo mesmo placar tanto de ida quanto de volta por 2 a 1.



Em 2011, o clube disputou a primeira fase da Libertadores contra o Grêmio e acabou eliminado pelo Tricolor Gaúcho, com um empate em 2 a 2 em Montevidéu e vitória gremista em Porto Alegre por 3 a 1. Em 2018, a equipe esteve ausente do torneio, já 2017 foi eliminado na primeira fase pelo da competição Fluminense. O time foi o quinto colocado no Campeonato Uruguaio na atual temporada com seis triunfos em quinze jogos.

Buscando informações sobre o adversário do Bahia, vale ressaltar um aspecto curioso que é justamente na escolha do nome do time. De acordo a Wikipédia, um dos seus fundadores pegou um globo terrestre e colocou um dedo em cima de uma cidade. O dedão parou na a cidade de Liverpool, na Inglaterra, terra onde nasceu os Beatles, além é claro, comporta Liverpool, gigante do futebol Europeu, que tem como destaque o goleiro Alisson e o atacante Roberto Firmino, ambos da Seleção Brasileira. Deu sorte, ruim se o dedo fosse parar lá na simpática cidade de Cabrobó na zona da mata de Pernambuco.

Veja também

Deixe seu comentário