Presidente do Fluminense de Feira explica negociação do goleiro Deola

O arqueiro foi emprestado ao América-RJ até abril

Mesmo tendo renovado contrato com o Fluminense de Feira em agosto deste ano, o goleiro Deola não permanecerá em Feira de Santana na temporada 2019. O experiente arqueiro de 35 anos deixou o Touro do Sertão e foi anunciado pelo América do Rio de Janeiro, na última sexta-feira (2). Após conquistar o acesso, o clube carioca vai disputar à primeira divisão do Campeonato Estadual no próximo ano.

Revelado na base do Palmeiras, Deola, ficou no clube alviverde de 2003 até 2016. Depois passou por clubes como Guarani-SP, Fortaleza, Juventus-SP, Grêmio Barueri-SP, Asa-AL. Pelo futebol baiano, além do Flu, o arqueiro vestiu a camisa do Vitória nos anos de 2012 e 2013.

O presidente do Fluminense de Feira, Zé Chico, explicou a negociação do goleiro. De acordo com o mandatário, Deola foi emprestado ao América-RJ até abril de 2019, quando se encerra o Campeonato Carioca. Veja abaixo:



“Nós já tínhamos renovado o vínculo dele por mais uma temporada até porque teríamos que cumprir o que estabelece a lei: ele se machucou, demos todo o suporte e renovamos o contrato. Neste espaço de tempo, Deola recebeu essa proposta e depois desta conversa ficou certo que o emprestaremos para o América-RJ, sem maiores problemas. O vínculo vai até abril e depois, ele pode retornar ao Fluminense tranquilamente. Deola é um atleta de grande caráter, temos por ele um grande apreço e não teríamos problema algum em fazer esta negociação”, disse o presidente.

Deola chega do América-RJ para suprir a saída de Rafael, campeão da Série B1 do Estadual pelo Mecão, que retorna ao Boavista. Além do goleiro ex-Flu de Feira, mais sete jogadores foram contratados: o lateral-direito Belarmino, os laterais-esquerdos Alan Pires e Michel Badé, os meias Miguel e Diego Sales, e os atacantes Juninho e Bruno Santos.

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*