Meia com passagem apagada pelo Bahia vai jogar o Carioca em 2019

Carlos Alberto jogou ao lado Ricardinho e Jobson

Sem entrar em campo há um ano e meio, desde julho do ano passado quando defendeu o Atlético-PR, o meia Carlos Alberto foi anunciado como novo reforço do Boavista-RJ para disputa do Campeonato Carioca de 2019. O jogador de 33 anos, que estava treinando no Verdão desde o início deste mês, embarcará no próximo dia 3 de dezembro para Dubai, nos Emirados Árabes, onde a equipe irá realizar parte da pré-temporada.

Carlos Alberto tem no seu vasto currículo uma passagem sem sucesso pelo Esporte Clube Bahia, em 2011, entrando em campo 19 vezes e não marcando gol. Naquele ano, ele foi contratado pelo diretor de futebol Paulo Angioni e foi apresentado com status de “estrela” ao lado do ex-meia e hoje treinador Ricardinho em um jogo contra o Flamengo que terminou empatado em 3 x 3, com 2 gols de Jobson e pelo lado rubro-negro Ronaldinho Gaúcho deixou sua marca. O tricolor era comandado pelo técnico Renê Simões.

Ambos fizeram parte do elenco que tinha também o polêmico Jobson, diga-se, o meia foi apontado como principal responsável pela saída do atacante do Bahia. Naquela ocasião, surgiu a informação de que o Jobson ao chegar nas instalações para recolher seu material,  rasgou uma foto do meia Carlos Alberto antes de deixar o CT do Bahia. Ele evitou falar com os funcionários, mas disse ter certeza do envolvimento de Carlos Alberto.

Na época, Carlos Alberto era a segunda opção do Bahia que antes tentou contratar o volante Marcos Assunção que acabou renovação o contrato com o Palmeiras. Revelado pelo Fluminense, Carlos Alberto acumula passagens também por Botafogo, Vasco, Porto, Werder Bremen (Alemanha), Porto (Portugal), Corinthians, São Paulo, Goiás, Grêmio, Figueirense.



LEIA MAIS:

Deixe seu comentário

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*