Vice-presidente cobra providência da CBF após Bahia ser GARFADO

Victor Ferraz se manifestou nas redes sociais

Se dentro de campo o zagueiro Lucas Fonseca soltou o verbo após os erros de arbitragem neste sábado no empate entre Grêmio e Bahia, fora dele o vice-presidente do Esporte Clube Bahia, Vitor Ferraz, também se manifestou. Na sua conta do Twitter, ele chamou o episódio desta noite de “escândalo na arbitragem brasileira” e perguntou se a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) irá tomar providências a respeito.

– ATENÇÃO @CBF_Futebol , mais um escândalo na arbitragem brasileira. Qual a providência que irão tomar? Vão se calar mais uma vez? Vao continuar se esquivando da implementação do VAR? O futebol brasileiro agoniza. Parabéns! – escreveu o dirigente.

O Twitter oficial do Bahia, na cobertura do jogo em tempo real, também criticou a arbitragem. “Fim de jogo em Porto Alegre. Mesmo jogando com um a menos e tendo pênalti inventado marcado contra, o Esquadrão não foi derrotado pelo todo-poderoso Grêmio: 2 a 2. Quase vocês conseguiram!”, escreveu.



As reclamações a respeito da arbitragem começaram ainda no primeiro tempo, sob alegação de que Tolski Marques não marcava faltas a favor do time baiano e devido aos cartões amarelos aplicados contra atletas da equipe. Na segunda etapa, Jackson acabou levando a segunda advertência depois de um lance com Juninho Capixaba e foi mais cedo para o chuveiro. No finalzinho do jogo, o árbitro assinalou pênalti de Gregore em Marinho, e Jael converteu.

Vídeo: Lucas Fonseca detona arbitragem e critica o futebol brasileiro

Deixe seu comentário

5 Trackbacks / Pingbacks

  1. leather jackets
  2. Male Escorts Singapore
  3. pasang togel dengan benar
  4. 토토사이트
  5. https://biznesblog.biz.pl/forum/

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*