Volante exalta espírito de luta, mas alerta: “É momento de lamber a ferida”

Nilton exaltou espírito de luta do time do Bahia

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Após perder para o Vasco da Gama nesta segunda-feira no estádio de São Januário e acumular seu terceiro jogo sem triunfo, o Esporte Clube Bahia terá a semana inteira para trabalhar e se preparar para o confronto pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, um duelo complicado contra o Flamengo que vem motivado após encostar na liderança da Série A, no entanto, vencer é necessário e obrigatório para o Esquadrão que colou no Z-4 com o novo revés, ficando na 15ª colocação com 29 pontos, há 1 da Chapecoense, primeiro integrante da zona.

Em entrevista à Rádio Metrópole, o volante Nilton, titular contra o Vasco, exaltou o espírito de luta da equipe que jogou com 10 desde os 28 minutos do primeiro tempo e lamentou a derrota. No entanto, o foco agora é outro e o jogador  frisou ser o momento de”lamber a ferida” e recuperar os pontos perdidos diante do Flamengo na Fonte Nova. Veja abaixo



“Acho que fica aquele gostinho de ter faltado algo a mais. Tem que exaltar o espírito de luta, não é fácil jogar com um a menos. Mas nossa equipe propôs um estilo de jogo, marcação forte. Um erro acaba jogando a nossa esperança por água abaixo. Conversamos para propor o mesmo ritmo no segundo tempo, mas às vezes acontecem coisas que não está ao nosso alcance. Chega um momento que precisamos ser maduros para não sofrer gols infantis. É momento de lamber a ferida, temos um jogo com o Flamengo em casa e temos que recuperar os pontos. É consertar os erros individuais e coletivos”, disse.

Deixe seu comentário