Sem volantes experientes, Vitória treina pensando no Fluminense

Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

Na tarde desta terça-feira (4), o Esporte Clube Vitória deu continuidade aos trabalhos visando o duelo contra o Fluminense, que acontece na quinta-feira, às 19h, no estádio do Maracanã. Como de costume, o técnico Paulo César Carpegiani comandou um treino fechado à imprensa e não deu pistas da equipe que deve ir à campo diante do tricolor carioca.

Os experientes volantes Arouca (ainda em transição) e Willian Farias (departamento médico) não participaram dos treinos com bola. Wallison Maia também realizou mais uma etapa da transição, enquanto Luan segue em tratamento no departamento médico fazendo companhia ao capitão.

De acordo com assessoria do clube, cada setor teve seu tratamento especial. O treinador Paulo César Carpegiani setorizou o grupo e fez trabalhos específicos para cada um.

Após aquecimento, o grupo foi separado em dois. O setor defensivo ficou com Carpegiani, que deu instruções de como se comportar em determinadas situações de jogo. Enquanto os defensores trabalhavam com o técnico, os atletas ofensivos ficaram no fundamento, aperfeiçoando jogadas ofensivas e chutes a gol.



O treino foi finalizado com um coletivo-tático. Neílton e Meli, ambos com advertências, estão suspensos. Por força contratual, Lucas Fernandes também não pode enfrentar o Fluminense, seu clube de origem. Arouca e Wallison Maia permaneceram fazendo uma transição controlada. Farias e Luan permanecem em tratamento.

O último treino do Leão antes da viagem ao Rio de Janeiro será na manhã desta quarta-feira (5), às 9h.

Deixe seu comentário