Ex-Palmeiras especulado na dupla BA-VI pensou em tirar a própria vida

Especulado no início do ano como reforço do Bahia e do Vitória, o atacante Jonathan Cristaldo, com passagem pelo Palmeiras, revelou em entrevista ao jornalista Nicolás Montalá, do jornal Olé, que atravessou uma depressão no período em que esteve no banco de reservas do Vélez Sarsfield, entre 2017 e 2018. O jogador contou que teve ataques de pânico e pensou até em tirar a própria vida atirando o carro contra um muro.

Hoje no Racing, mesmo clube do lateral Mena, ex-Bahia, Cristaldo revelou que ao chegar ao time de Buenos Aires, estava enfrentando problemas familiares. Depois de três jogos se lesionou e parou por três meses. Em alguns momentos, o argentino não queria sair da cama e nem ir ao treinamento. Além do Palmeiras, ele passou por Cruz Azul e Monterrey.

Veja abaixo:



“Meu escape era comer e às vezes beber um pouco além da conta. Não estava bem psicologicamente, me sentia deprimido. Nunca na minha vida pensei que passaria por isso. Não desejo isso a ninguém. Eu sou uma pessoa alegre, mas durante aquele momento via só coisas más. Tive muitos pensamentos obscuros. Me lembro de uma vez, quando estava dirigindo, tive um ataque de pânico. Pensei em dar o carro contra um muro. Pensei em me matar. Ela (psicóloga) me disse uma vez ‘se você está mal não pode ajudar outras pessoas’. Lhes assegurei que estaria muito comprometido com eles pela chance que me deram. Tenho que demonstrar todos os dias, é uma grande oportunidade na minha carreira”, revelou.

Deixe seu comentário