Torcida do Corinthians protesta após contratação de atacante do Sport

A contratação do atacante Juninho pelo Corinthians revoltou os torcedores do clube paulista, principalmente as mulheres. Horas depois de o acerto ser finalizado, a hashtag “JuninhoNoCorinthiansNão” já era um dos assuntos mais comentados no Twitter no país.

O motivo da revolta é justamente pelo fato do jogador responder a um processo por agressão, ameaça e injúria contra a ex-namorada. Durante o período da tarde, o Corinthians divulgou no Instagram uma publicação orientando que qualquer abuso contra as mulheres deve ser denunciados, pelo dia em que a Lei Maria da Penha completa 12 anos.



Nas redes sociais, torcedoras do Corinthians se revoltaram com a negociação e lembraram que, em março, o clube fez uma ação pelo Dia da Mulher e chegou e estampar #respeitaasminas na camisa de jogo.

Deixe seu comentário