Jogando contra o Vitória, sempre tenho sorte, diz atacante do Atlético-PR

Ocupando a vice-lanterna do Campeonato Brasileiro da Série A com apenas 10 pontos, o Atlético-PR tenta neste Domingo o inicio de mudança de rumo na competição enfrentando o Esporte Clube Vitória às 16h na Arena da Baixada em Curitiba

Uma das armas do time paranaense é o o atacante Marcelo retornou ao time em grande estilo. Na reestreia em casa, na última quinta-feira (26), o camisa 10 do Furacão sofreu um pênalti, marcou o primeiro gol na vitória contra o Peñarol, por 2 a 0, e criou diversas oportunidades ofensivas.

“Foi uma reestreia em casa muito boa. Fico feliz de ter ajudado a equipe a sair com a vitória”, comemorou. “Jogar com o nosso torcedor é muito importante. É um jogo que ficará marcado para mim” disse o jogador em entrevista ao site oficial do clube.



“Quando a bola caiu na mão do Santos, eu percebi que a zaga deles estava exposta. Saí em velocidade. O Santos deu um lindo lançamento. O zagueiro e o goleiro se trombaram e fui feliz. O mérito é do Santos, que me viu em velocidade e a zaga exposta”, explicou.

Projetando a sequência da temporada, o camisa 10 do Furacão acredita que a vitória diante dos uruguaios fará a equipe crescer e se recuperar no Campeonato Brasileiro. “A vitória veio para nos dar confiança, porque o time vinha jogando bem, mas não conseguia vencer. A partida contra o Vitória é importante, porque precisamos vencer para começar a sair dessa situação”, frisou.

Neste domingo (29), o Atlético Paranaense encara o Vitória, às 16h, no Joaquim Américo, pela 16ª rodada. O adversário traz boas lembranças ao atacante. Em 2014, Marcelo marcou no empate em 2 a 2, em Salvador, e na vitória por 2 a 0, em Curitiba.

“Jogando contra o Vitória tenho sorte. Espero ter sorte no domingo para ajudar a equipe a sair com a vitória”, concluiu.

Deixe seu comentário