Após vexame no Maranhão, Vitória demite Diretor de Futebol

O Esporte Clube Vitória definiu nesta quinta-feira (17) a saída do Diretor de Futebol Erasmo Damiani, após cinco meses e quatro dias no clube. A demissão do profissional acontece justamente após o vexame da equipe rubro-negra em São Luís do Maranhão, quando o Leão foi derrotado pelo Sampaio Corrêa, por 3 a 0, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste.

O trabalho de Damiani não estava agradando a direção do Vitória e ele já vinha balançando no cargo. Contratado em dezembro de 2017 e bancado por Ricardo David, Damiani trouxe 16 jogadores nesses cinco meses à frente da diretoria de futebol, porém, poucos deles convenceram.

Veja abaixo a lista de reforços contratados por Damiani. 



Elias (Goleiro)
Lucas, Jeferson, Pedro Botelho e Bryan (Laterais)
Aderllan e Wallison Maia (Zagueiros)
Lucas Marques e Rodrigo Andrade (Volantes)
Guilherme Costa, Alexander Baumjohann e Rhayner (Meias)
Lucas Fernandes, Wallyson, Jonatas Belusso e Denilson (Atacantes)

Veja o vídeo: Mancini discute com torcedor do Vitória em aeroporto

Deixe seu comentário