Abel Braga garante time titular do Fluminense contra o Vitória no Barradão

Adversário do Esporte Clube Vitória no próximo Domingo, o Fluminense está também, envolvido nas disputas de uma vaga na segunda fase da Sul-Americana. Nesta competição, o time carioca encara na próxima quinta-feira, o Nacional Potosí, da Bolívia em jogo agendado para a cidade de Potosí. No entanto, apesar da importante, o técnico Abel Braga garante que trará para Salvador o que tem de melhor neste momento.

– Não vou poupar. Existe dúvida em relação a duas ou três posições. E não vou arriscar. Se os jogadores não me mostrarem amanhã (sábado) que estão 100%… Tenho problema na zaga. Já estou sem o Roger (Ibañez). Se eu tiver problema com zagueiro, nem Nathan e nem o Luan (Peres) podem jogar em Potosí. Dois vão ser difíceis de colocar, mas não é poupado – ressaltou o comandante, que preferiu manter o mistério, disse o treinador em entrevista ao site oficial do clube.

– Não vou dizer nomes. Hoje, todo mundo sabe de todo mundo. Se eu passar o problema que eu tenho e a solução, vou ajudar o Mancini (técnico do Vitória).



Em relação à última partida, uma mudança é certa: o retorno do lateral-direito Gilberto, que cumpriu suspensão contra o São Paulo, depois de ter sido expulso contra o Cruzeiro. Mas Abel fez questão de elogiar Leo, que foi titular na ala contra no último domingo.

– O Gilberto volta. Ele não saiu por demérito. Fez uma grande bobagem, ele sabe disso, mas não foi uma questão técnica. Volta normalmente. Essa é uma posição que eu fecho o olho… Temos o Leo, que terminou muito bem a partida. Foi além da expectativa. A tendência é que, quando for usar de novo, pode crescer. Estou satisfeito – afirmou.

Abel Braga apontou ter ciência de que o Fluminense não vai encontrar vida fácil nesta quarta rodada do Brasileiro.

– (Vai ser um jogo) Muito difícil. O Vitória, dentro de casa, é complicado. Tem feito bons resultados fora também. É uma equipe rápida. Temos de ter muito cuidados. Nesta semana, trabalhamos muito em campo reduzido, com toque rápido. Perder a bola pode nos custar caro. E, mesmo quando chove, o início de jogo em Salvador se sente um pouco bafado. Vitória sabe explorar isso. E é um time treinador pelo Mancini, de qualidade. Torcida empurra. Jogar lá é complicado, mas estamos preparados – salienta.

O técnico aproveitou para garantir que a equipe das Laranjeiras vai fazer de tudo pela primeira vitória fora de casa na competição:

– Esses três pontos, já merecíamos, no mínimo um, contra o Corinthians. Vamos jogar da mesma maneira, não vai mudar. Sabemos que adversário esta sempre atacando. Então, temos de tomar nossos cuidados.

Deixe seu comentário

1 Comentário

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*