Meia do Bahia registra Boletim de Ocorrência contra 5 atletas do Vitória

Vinícius estava acompanhado do vice-presidente do Bahia, Victor Ferraz

Após ter sido agredido de forma vergonhosa no clássico BA-VI deste domingo, no estádio do Barradão, o meia do Bahia, Vinícius, registrou um Boletim de Ocorrência contra cinco jogadores do Vitória. São eles, o goleiro Fernando Miguel, o zagueiro Kanu, o meio-campista Yago e os atacantes Denílson e Neilton – este último por ameaça – na Central de Flagrantes, localizada no Caminho das Árvores.

O meia, que estava acompanhado do vice-presidente do Bahia, Victor Ferraz, também realizou um exame de corpo de delito e agora aguarda o encaminhamento do inquérito. O meia do Tricolor foi atacado após comemorar o gol que colocou o placar em 1 a 1 na partida. A briga gerou uma confusão geral, que culminou em várias expulsões, o que deixou o Rubro-negro com um número insuficiente de jogadores para terminar a partida.

Diretor jurídico do Bahia na gestão de Marcelo Sant’Ana, e hoje vice-presidente, Vitor Ferraz, orientou seus atletas a prestarem queixa por agressão na delegacia. Ele já havia confirmado após a partida no domingo.

“Quanto às agressões sofridas pelos jogadores do Bahia, fato flagrante, que não há como negar, o Bahia vai dar todo o suporte jurídico para os atletas agredidos, porque não se pode admitir esse tipo de agressão em uma partida de futebol. O Bahia vai dar apoio e orientações, a fim de que eles adotem a conduta que se sintam à vontade, mas o entendimento do clube é de que eles devem adotar as providências, inclusive, criminais, prestando queixa na polícia, ingressando com uma queixa por conta das agressões sofridas”, disse.



Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. agen idn poker yang resmi

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*