Ex-goleiro do Vitória ainda não renovou contrato com o Botafogo

Gatito desembarcou no futebol brasileiro para jogar no Vitória em 2014

Conhecido por ser um exímio pegador de pênaltis, o goleiro Gatito Fernández, que já teve uma passagem pelo Vitória, ainda não tem permanência certa no Botafogo. O contrato do arqueiro encerra no final deste ano e ele ainda não renovou. O clube carioca trata a prorrogação do vínculo como prioridade.

O vice-presidente de futebol do alvinegro carioca, Gustavo Noronha, colocou o gerente de futebol, Anderson Barros, para conduzir a renovação. A partir de julho, o arqueiro paraguaio, de 29 anos, já poderá assinar um pré-contrato com qualquer clube e deixar o Fogão sem uma compensação financeira.

“Estamos conversando há tempos sobre a renovação do Gatito e está encaminhada. É prioridade para o Botafogo. Tem a confiança de todos, do Flávio Tênius (preparador de goleiros) ao Nelson (Mufarrej, presidente). O Anderson está cuidando”, disse. 




Gatito Fernández, que desembarcou no futebol brasileiro para jogar no Vitória em 2014, se recupera de uma lesão na coxa esquerda e ainda não entrou em campo neste ano. O paraguaio chegou ao Botafogo no início de 2017 e se tornou titular por toda a temporada, disputando 59 partidas.

Ele ficou marcado por defender oito das 14 cobranças de pênaltis. Foi maior pegador no Brasil e eleito o melhor goleiro da última edição da Copa do Brasil. No Paraguai, Gatito ganhou prêmio de melhor desempenho fora do país.

Deixe seu comentário

1 Trackback / Pingback

  1. friv.run/

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*