Gabriel no Bahia? Sem chance. Nunca morda a mão que te deu comida!

Revelado no Fazendão, o jogador nunca demonstrou identificação com o Bahia.

Antigo desejo do Bahia, mas sempre parando no campo da sondagem, afinal, nunca houve interesse do atleta em retornar, o meia Gabriel, meia-atacante do Flamengo, clube onde atua desde 2013 quando foi contratado pelo rubro-negro após se destacar com a camisa tricolor, não deve permanecer no Ninho do Urubu em 2018. Alvo de protesto da torcida nesta quarta-feira e sem espaço no elenco que deve ser reformulado para o ano que vem, principalmente com a possibilidade de disputar a Libertadores, o jogador deve ser emprestado em 2018.

Há quem o queira de volta no Bahia e, apesar das várias recusas, receberia de braços abertos com apito, buzina, faixa, festa e tudo. Não é o meu caso. e também não é o que pensa o amigo Tricolor 87, que acredita não ter espaço para Gabriel no Esquadrão, embasado em duas circunstâncias.

Veja abaixo:   

“Para mim não há espaço para Gabriel, do Flamengo, no atual Bahia. Embasado em duas circunstâncias:

1 – Motivo técnico: Não tem apresentado o futebol de outrora. É mais vantajoso para o Bahia que ao invés de dispor do valor para contratá-lo, investir na base.

2 – Motivo moral: “Nunca morda a mão que te deu comida”. O Bahia queria contar com o futebol dele por empréstimo num passado não tão distante, e o mesmo preferiu continuar no Flamengo, ainda que permanecesse na reserva.

Vide Fernandão, carioca, e ainda que seja profissional, sempre que pode acompanha o Bahia. Alguém vê Gabriel que é baiano e prata da casa demonstrar o carinho dele pelo Bahia?

Além do mais, não vejo alguma conquista memorável que elevasse Gabriel a ídolo pela torcida tricolor, muito pelo contrário, a ausência de jogadores identificados com o clube alçou-o.

Porém, hoje temos Edigar Junio, Zé Rafael, Tiago entre outros, que demonstram mais identificação com o Bahia.

Abraço! BBMP!”

Tricolor 87, torcedor do Bahia e amigo do Futebol Bahiano.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*