Bahia com sua torcida pelo tri-campeonato

O jogo que importa, hoje, para a nação tricolor, é o jogo de quarta-feira. Será um jogo em que o Bahia desafiará o rubro-negro pernambucano e também o futebol de Pernambuco, pois o Santa Cruz foi o último campeão nordestino. Um jogo que também tem um valor simbólico para o Bahia e o Sport que indiscutivelmente representam o futebol altivo e vencedor da região fora das fronteiras regionais.

Pelo lado do Sport, os pernambucanos esperam que o time jogue como jogou contra o Santa Cruz na semi-final. Porém, justamente nesse jogo, o Sport ganhou sua última partida. Depois desse jogo o rubro-negro pernambucano acumulou 2 derrotas consecutivas e um empate contra o Bahia. Um jogo em que o tricolor podia ter outra sorte de não fosse a péssima arbitragem que anulou um gol legal do Bahia no primeiro-tempo.

Perguntam-me: o Sport e tem condições de vencer o Bahia na Fonte lotada? O time pernambucano sofre uma enorme pressão para superar esse desafio. Tomou goleadas e está mordido, quer surpreender, mas não é o Sport que jogou contra o Santa que entrará em campo contra o Bahia. É um time mais abalado emocionalmente pelos seguidos insucessos, inclusive no campeonato local, quando empatou com o Salgueiro em suas redondezas.

Já o Bahia é uma outra história. O time ganha moral a cada partida, embora tenha perdido o campeonato baiano. O tricolor desclassificou o seu arqui-rival local e ainda pelo campeonato brasileiro transformou o Furacão numa brisa, quando ganhou do Atlético-PR por 6 tentos a 2. O Esquadrão apresentou um futebol nesse jogo magistral, e em Recife mostrou que mesmo desfalcado tem no seu esquema de jogo um padrão que dá certo.

Bahia, enfim, busca a hegemonia na região, no principal campeonato do 1º. semestre. Uma decisão como essa tem a condição de suavizar as críticas contra o presidente Marcelo Santana, colocando o tricolor de volta na competição nacional mais motivado. O simbolismo também pela decisão entre duas forças do futebol nacional recoloca o tricolor como grande protagonistas de grandes campanhas na região com repercussão nacional.

Axé!